Após boicote, playoffs da NBA estão mantidos e devem ser reiniciados neste fim de semana
Foto: Divulgação/NBA

As discussões seguem fortes nos Estados Unidos em relação à continuidade dos jogos restantes da pós-temporada da NBA na bolha montada no complexo esportivo da Disney, em Orlando/EUA, após o boicote dos jogadores de Milwaukee Bucks e Orlando Magic e o adiamento dos jogos entre Oklahoma City Thunder x Houston Rockets e Los Angeles Lakers x Portland Trail Blazers, ocorrido na última quarta-feira (26), como maneira de protestar pela violência policial sobre Jacob Blake, homem negro que foi alvejado com sete tiros pelas costas em Wisconsin/EUA no fim de semana.

Boicote dos jogadores da NBA comprova elo intrínseco entre esporte, política e povo

A possibilidade da temporada ser encerrada prematuramente chegou a ser cogitada, mas os jogos serão mantidos. Em informações divulgadas por jornalistas especializados no basquete norte-americano, os jogadores decidiram por continuar a jogar, mas de uma maneira que possa novamente chamar a atenção para o que ocorre fora da bolha montada na Flórida. É consenso de que mais ações precisam ser feitas por parte dos próprios atletas para que o combate ao racismo fique ainda mais visível e evidente.

Em comunicado divulgado durante a tarde desta quinta-feira (27), a NBA informou que ainda há uma indefinição em realização ao reinício dos jogos, mas que eles irão ocorrer a partir deste fim de semana, possivelmente a partir do sábado (29). Por meio do vice-presidente executivo Mike Bass, a liga informou que serão realizadas novas reuniões para informar as datas que os confrontos serão disputados.

“Os jogos dos playoffs da NBA para hoje não serão realizados como agendado. Nós estamos esperançosos de que os jogos sejam reiniciados na sexta-feira ou no sábado. Haverá uma reunião em videoconferência programada para esta tarde entre um grupo de jogadores da NBA e os representantes das 13 equipes em Orlando, junto com representantes da Associação Nacional de Jogadores de Basquete (NBPA), o escritório da Liga e o diretor do Comitê de Trabalho de Relações Públicas da NBA, Michael Jordan, para discutir os próximos passos”, informou.

Jogos adiados em outras grandes ligas

A atitude tomada pelos atletas da NBA motivou jogadores de outras modalidades a também não disputarem partidas. Tanto na quarta como nesta quinta-feira, ligas, equipes e atletas divulgaram comunicados para mostrarem união na luta contra o racismo e violência policial. Na MLB, jogadores de Milwaukee Brewers, Los Angeles Dodgers e San Francisco Giants não entraram em campo. Na MLS, cinco jogos foram suspensos. Ainda não há confirmação oficial, mas os jogos de hóquei programados para a NHL também não deverão acontecer. Na WNBA, as partidas foram novamente canceladas. Na NFL, sete equipes não treinaram.

VAVEL Logo