Toronto Raptors supera Indiana Pacers com show de DeRozan e avança às semi do Leste

Antes ausentes, Demar DeRozan e Kyle Lowry somam 41 pontos e 11 assistências para afastar trauma da primeira rodada dos playoffs

Toronto Raptors supera Indiana Pacers com show de DeRozan e avança às semi do Leste
DeRozan pontuando dentro do garrafão sob os olhares de Myles Turner e Paul George (Foto: Raptors/NBA Getty Images)
Toronto Raptors
89 84
Indiana Pacers

Foram quatro eliminações consecutivas em playoffs, duas delas mais recentes, e o fastama ameaçava visitar o Air Canada Centre pelo terceiro ano em sequência. Mas, em uma história de redenção Demar DeRozan, fazendo pós temporada ruim até então, levou o Toronto Raptors a vitória por 89 a 84 contra o Indiana Pacers, fechando a série por 4 a 3.

Coube ao já citado Demar DeRozan ser o cestinha da partida anotando 30 pontos, além de cinco rebotes e duas assistências. Paul George liderou os Pacers em pontuação somando 26 pontos e ainda mais 12 rebotes e 3 roubos de bola.

O próximo desafio do Toronto na pós temporada é contra o Miami Heat, que eliminou o Charlotte Hornets também na sétima partida. O confronto tem ínicio na terça-feira, dia 3, e em caso de desempate os canadenses tem novamente o mando de quadra.

DeRozan comanda primeiro tempo brilhante para vitória tranquila dos Raptors

DeRozan começou a partida pegando fogo e pontuando com muita facilidade, sendo 13 pontos anotados ao longo do primeiro quarto mas Paul George respondia quase num confronto entre as duas estrelas das franquias. Foram 12 pontos anotados pelo craque de Indiana impedindo que a vantagem chegasse a dígitos duplos, 28 a 23 no fim do período, pois Valenciunas e Cory Joseph davam suporte a atuação de DeRozan.

O segundo quarto teve uma característica interessante, repetida do jogo 6, muitos arremessos selecionados de forma errada, baixando o aproveitamento das equipes.Vindos do banco, Cory Joseph e Norman Powell somaram 16 pontos levando vantagem sobre os reservas dos Pacers. Quando os titulares retornaram George Hill mantinha sua equipe próxima do placar que variava de 8 a 4 pontos em favor do Toronto.

Indiana melhora na reta final e por pouco não leva partida a prorrogação

Abrindo o segundo tempo as duas equipes demoraram um pouco para achar o caminho da cesta errando 5 arremessos consecutivos até o Toronto acertar de fora com Patterson, imprimindo em seguida corrida de 8 a 2 acertando outro chutes no perímetro com Carroll e em bandeija de Lowry, atigindo maior vantagem da partida até ali, 12 pontos tanto que Frank Vogel parou a partida.

Na sequencia do tempo os donos da casa continuaram acertando de longe porém quem conseguiu criar boa corrida foi o Indiana Pacers anotando 7 pontos consecutivos, deixando em 8 pontos a diferença e obrigando Dwayne Cassey a pedir tempo. Suficiente para Toronto voltar melhor e vencer o período por 28 a 20, 78 a 64 totais, com DeRozan pontuando quase sozinho.

Os Pacers defenderam como loucos para tentar passar a frente do placar pela primeira vez, o trio George Hill, Paul George e Monta Ellis pressionava na defesa e pontuava no ataque enquanto os donos da casa cometiam vários desperdícios de possse. Na parcial 82 a 85 e na seguinte 84 a 87 erros cometidos por Paul George impediram que o esforço no quarto derradeiro levasse a partida ao tempo extra.