O.J. Mayo é afastado por dois anos pela NBA por violar política anti-drogas

A substância utilizada pelo jogador não foi divulgada

O.J. Mayo é afastado por dois anos pela NBA por violar política anti-drogas
Foto: Getty Images

Na tarde desta sexta-feira (1), a NBA anunciou o afastamento do ala-armador O.J. Mayo por dois anos por ter violado a política anti-drogas. O jogador estava como agente livre, mas agora não poderá assinar com nenhuma franquia.

A substância utilizada por O.J. Mayo não foi divulgada. No comunicado emitido pela NBA, foi reforçado que as franquias e a associação de jogadores não podem divulgar para o público esse tipo de informação.

O pivô Chris Andersen, que defendeu o Memphis Grizzlies na última temporada, já passou pela mesma situação em 2006. O pivô seria afastado por mais tempo que O.J. Mayo, mas entrou com recurso para voltar a jogar após dois anos. O recurso foi aceito e o jogador fez parte dos dois títulos do Miami Heat em 2012 e 2013, antes de se transferir para o Grizzlies.

O.J. Mayo entrou na NBA em 2008, tendo sido escolhido na terceira posição do Draft daquele ano, na frente de grandes nomes da liga atualmente, como Russell Westbrook e Kevin Love. Na última temporada, teve médias de 7,8 pontos e 2,9 assistências por partida com o Milwaukee Bucks.