Kevin Durant acerta com Golden State Warriors por duas temporadas

Ala teve média de 28 pontos por jogo e liderou o Oklahoma City Thunder até as finais da Conferência Oeste, onde acabaram derrotados pelo próprio Golden State Warriors

Kevin Durant acerta com Golden State Warriors por duas temporadas
Foto: Divulgação/NBA

Na manhã desta segunda-feira (4) o mercado da NBA parou para assistir a decisão de Kevin Durant. Através do site 'The Players Tribune', o mesmo onde Kobe Bryant anunciou sua aposentadoria, o ala do Oklahoma City Thunder oficializou o acordo com o Golden State Warriors por duas temporadas no valor de US$ 54.3 milhões.

Durante a temporada 2015/16, Kevin Durant teve média de 28.2 pontos por jogo -- sua terceira melhor média em pontos em nove anos de carreira -- e teve sua melhor temporada em rebotes, com média de 8.2 por jogo, além da média de 5 assistências por jogo.

Ao lado de Russell Westbrook, o ala liderou o Oklahoma City Thunder até as finais da Conferência Oeste, onde acabaram derrotados pelo próprio Golden State Warriors em sete jogos, levando a virada após abrir 3 a 1. O vice-campeonato diante do Cleveland Cavaliers de LeBron James abriram os olhos dos dirigentes em Oakland, que viram que apesar de quebrar o recorde do Chicago Bulls na temporada regular, nem tudo estava tão bom assim.

Reforçar era preciso em Golden State e a chegada de Kevin Durant deixa a equipe mais forte, aumentando seu favoritismo para a próxima temporada. Durant junta-se ao elenco que já possui craques como Stephen Curry, atual MVP (Jogador Mais Valioso) das últimas duas temporadas, Klay Thompson, Draymond Green e Andre Iguodala

Porém, a chegada de Kevin Durant provavelmente indica a saída de dois jogadores por questões salariais: o ala Harrison Barnes e o pivô Andrew Bogut. Agora, os Warriors precisam se reforçar no garrafão, pois possuem apenas um pivô em seu elenco: Festus Ezeli. 

Barnes teve uma grande temporada, sendo fundamental na defesa e no ataque com seus arremessos de três pontos. Porém sua participação na final não agradou, tendo terminado dois jogos seguidos sem pontuar. Kevin Durant atua na mesma posição, outro motivo que indica a saída de Barnes, que é agente livre, mas o futuro dependia do acerto entre Durant e os Warriors.