Japão x Brasil no basquete feminino dos Jogos Olímpicos

Japão x Brasil no basquete feminino dos Jogos Olímpicos
Japão
82 66
Brasil

Agradecemos a quem acompanhou mais uma cobertura da VAVEL Brasil na Rio 2016! Tenham todos uma boa noite a té a próxima.

Já a seleção japonesa fica em ótima situação para conseguir a classificação. A próxima partida será contra a Turquia.

Com o resultado, a seleção brasileira precisa obrigatoriamente vencer a Bielorússia, amanhã, para não ser eliminada. 

FIM DE PARTIDA NA ARENA DA JUVENTUDE! Japão (2-0) 82 x 66 (0-2) Brasil

4Q: 82-64. DOIS PONTOS E A FALTA!!!! Érika anota mais dois pontos e sofre a falta de Tokashiki

4Q: 82-60. TRÊÊÊÊÊÊÊS! Kondo anota mais três pontos para a seleção do Japão.

4Q: 79-59. Boa jogada da Érika, mas na sequência Tokashida anota mais dois pontos para o Japão.

4Q: 75-56. DOIS PONTOS E A FALTA NA RAÇA! Damiris errou o primeiro arremesso, buscou o rebote e sofreu falta ao anotar os dois pontos

4Q: 75-54. Arbitragem comete seu terceiro erro no período.

4Q: 75-54. Japão está com quase 70% nos arremessos de quadra.

Começa o Quarto quarto

FINAL DO TERCEIRO QUARTO! Japão 73 x 52 Brasil!

3Q: 71-49. CESTA E FALTA! Damiris faz um belo giro e anota mais dois pontos, e sofrendo a falta.

3Q: 69-47. TRÊÊÊÊÊÊS! Kurihara marca mais três pontos e freia a empolgação da torcida.

3Q: 66-47. Iziane anota quatro pontos seguidos e anima a torcida.

3Q: 64-43. Técnico japonês pede tempo.

3Q: 64-43. Adrianinha marca mais dois pontos e a torcida grita "Eu acredito!"

3Q: 62-41. TRÊÊÊÊÊÊÊÊÊS!! Damiris acerta a segunda bola de três do Brasil no jogo.

3Q: 62-38. CESTAÇA E FALTA!! Após brigar muito contra duas japonesas, Clarissa arremessa e a bola cai. No lance livre, a ala-pivô converte o lance de bonificação.

3Q: 62-35. Mamiya anota mais dois pontos após rebote ofensivo.

3Q: 58-35. CADÊ A DEFESA! A seleção brasileira permitiu três rebotes ofensivos do Japão e a Motokawa anotou mais dois.

3Q: 56-33. TRÊÊÊÊÊÊÊÊS! Yoshida anota mais uma de três, e o técnico brasileiro para o jogo outra vez.

3Q: 51-33. Tokashiki anota os quatro primeiros pontos do quarto.

COMEÇA O TERCEIRO QUARTO!

Vai começar o terceiro quarto! 

Números do Brasil: 41% nos arremessos de quadra 23 rebotes 9 assistências 11 turnovers

Números do Japão: 50% nos arremessos de quadra 17 rebotes 11 assistências 4 turnovers

INTERVALO DE PARTIDA! Japão 47 x 33 Brasil. No segundo quarto, as japonesas fizeram 28 a 13.

2Q: 45-33. TRÊÊÊÊÊÊÊÊS!!!! Finalmente cai a primeira bola de três do Brasil no jogo, com Palmira.

2Q: 44-30. QUE JOGADAÇA! Yoshida faz uma grande jogada, com direito a chapéu em Clarissa, marca dois pontos e sofreu a falta.

2Q: 40-30. DOIS PONTOS E A FALTA!! Clarissa recebe da Adrianinha, converte a cesta e ainda sofre a falta.

2Q: 40-28. O Japão aproveita a fraca marcação brasileira e aumenta ainda mais a vantagem.

2Q: 36-26. Na velocidade as japonesas vão impondo seu ritmo e mantendo a vantagem

2Q: 34-24. Em novo pedido de tempo, Barbosa pede para as meninas mudarem a postura em quadra.

2Q: 32-24. Brasil erra novamente e no contra-ataque, a seleção japonesa amplia.

2Q: 30-24. Mamiya abre a maior vantagem na partida.

2Q: 28-24. Kondo marca mais dois pontos e o técnico Barbosa para o jogo. 

2Q: 24-24. NA INSISTÊNCIA! Clarissa erra a bandeja, pega o rebote e empata a partida.

2Q: 24-22. Japão voltou melhor mas Iziane freia a reação japonesa.

2Q: 21-20. DOIS PONTOS E A FALTA! Tokashiki infiltrou e consegue marcar dois pontos e sofre a falta. Japão volta a liderar.

Começa o segundo quarto.

FINAL DO PRIMEIRO QUARTO! Brasil 20 x 19 Japão

1Q: 19-20. Nagaoda anota mais dois pontos para o Japão.

1Q: 17-20. NA RAÇA! Iziane, na garra, pega o próprio rebote e anota mais dois pontos.

1Q: 14-18. DAMIRIS! A ala anota mais dois pontos e recoloca uma boa vantagem.

1Q: 14-15. O Japão volta a encostar na partida após erros consecutivos do Brasil no ataque.

1Q: 10-15. AQUI NÃO!! Lindo toco de Érika.

1Q: 10-15. Clarissa anota mais dois pontos, e a seleção abre sua maior vantagem na partida.

1Q: 9-13. IZIANE!!! Destaque na derrota para a Austrália, a ala-armadora anota seu quarto ponto na partida.

1Q: 7-11. QUE INÍCIO! Mais dois pontos da Damiris! Brasil abre sua maior vantagem

1Q: 7-7. TRÊÊÊÊS! Kurihara empata a partida para as japonesas.

1Q: 4-6. Iziane vira o jogo!!

1Q: 4-4. Damiris empata!

1Q: 4-2. Érika marcou os dois primeiros pontos da seleção.

1Q: 2-0. Japão larga na frente

SUBIU A BOLA NA ARENA DA JUVENTUDE

BRASIL ESCALADO! Antônio Carlos Barbosa escalou o seguinte quinteto: Adrianinha, Iziane, Damiris, Clarissa e Érika

Arbitragem! O trio de arbitragem será composto por: José Reyes, Peruga Carlos e Nadege Zouzou.

Brasil e Jpaão se enfrentam na última partida da segunda rodada do grupo A. No momento, as brasileiras são as lanternas, enquanto as japonesas ocupam a terceira posição.

Os próximos adversários do Brasil são o Japão, Bielorrússia (9, às 15h30), França (11, às 15h30) e Turquia (13, às 15h30). Na primeira fase as 12 seleções jogam entre si nos seus grupos.

As quatro primeiras colocadas de cada chave se classificam para as quartas de final. Os ganhadores disputam a semifinal e final.

Em estreia nos Jogos Olímpicos, a seleção brasileira feminina de basquete não conseguiu romper barreira de derrotas para a Austrália. Por 84 a 66, o Brasil perdeu novamente para a Austrália, medalha de bronze nos Jogos de Londres 2012.

As duas seleções se enfrentaram outras seis vezes, com seis vitórias das australianas. O último confronto foi em Londres, com vitória da Austrália por 67 a 61.

O Brasil estava na frente da  Austrália até os minutos finais do terceiro tempo, quando a Austrália empatou por 47 a 47. Ao final do terceiro tempo, Austrália abriu quatro pontos na frente do Brasil, com 57 pontos. No quarto e último tempo, a Austrália venceu com 84 pontos e o Brasil registrou 66.

A Confederação Brasileira de Basketball lembra que a seleção brasileira estreou nos Jogos Olímpicos de Barcelona, na Espanha (1992), quando ficou em sétimo lugar. Desde então, as brasileiras estiveram presentes em todas as edições da Olimpíada.

Em Atlanta, nos Estados Unidos (1996), as meninas do Brasil conquistaram a medalha de prata e, em Sydney, na Austrália (2000), ficaram com o bronze.

Em Atenas, na Grécia (2004), o Brasil chegou na fase semifinal e terminou na quarta posição. Em Pequim 2008 e Londres 2012, as brasileiras terminaram em 11º e nono lugares, respectivamente.

Seja bem-vindo, torcedor! Acompanhe agora a mais um dia de evento nos Jogos Olímpicos Rio 2016! Fique conosco!