Curry renova com Warriors e receberá maior contrato da história da NBA

Armador receberá US$ 201 milhões nos próximos cinco anos. É o maior contrato da história da NBA e entre as principais ligas americanas

Curry renova com Warriors e receberá maior contrato da história da NBA
Foto: Getty Images

Na madrugada deste sábado (1º), o Golden State Warriors chegou a um acordo com Stephen Curry e renovou o contrato do astro. O armador acertou a renovação de cinco anos pelo contrato máximo e receberá US$ 201 milhões de dólares (US$ 40,2 milhões de dólares por ano). É o maior contrato da história da NBA.

Após as duas primeiras temporadas como novato, Curry renovou o contrato com os Warriors por US$ 44 milhões por quatro anos. Deixou de ser uma incógnita, superou lesões e virou realidade. Após dois MVP e dois títulos, agora vai receber por ano quase a mesma quantia que recebeu nos últimos quatro anos.

Com o contrato anterior, Curry não esteve nem entre os 50 mais bem pagos da liga nos últimos quatro anos. Em 2017, chegou a ser o 82º mais bem pago. Agora é o primeiro jogador na história a assinar um acordo de mais de US$ 200 milhões.

O novo contrato de Curry, além de ser o maior da história da NBA, é também o maior entre as principais ligas americanas, superando Zack Greinke na MLB, que recebe US$ 34,4 milhões por ano. Na NFL, Derek Carr tem o maior contrato e atualmente recebe US$ 25 milhões, enquanto na NHL o maior contrato é de Jonathan Toews que ganha US$ 10,5 milhões.

Curry teve médias de 25.3 pontos, 4.5 rebotes e 6.6 assistências por jogo durante a temporada regular em 2016/17. Nos playoffs, suas médias aumentaram para 28.1 pontos, 6.2 rebotes e 6.7 assistências. Nas finais, teve médias de 27 pontos, 8 rebotes e 9 assistências.

Warriors renovam com Livingston

O Golden State Warriors também renovou o contrato de Shaun Livingston, um dos principais jogadores da segunda unidade da equipe. O armador assinou a renovação de US$ 24 milhões de dólares por três anos.