Conceito VAVEL: "Inferno" decepciona por mudanças de ritmo e roteiro

VAVEL Brasil analisa o terceiro filme que traz o professor Robert Langdon como protagonista

Conceito VAVEL: "Inferno" decepciona por mudanças de ritmo e roteiro
(Foto: Inferno/Divulgação)

Livro ou Filme? As vezes os conceitos se confundem. É o que pensa o público do novo filme de Ron Howard"Inferno", baseado no livro de Dan Brown. Com Tom Hanks Felicity Jones como protagonistas, o longa, que trata da superpopulação mundial, fazendo relações diretas com o Inferno de Dante Alighieri, não agradou o povo.

Agora, a VAVEL Brasil analisa o filme para descobrir os detalhes da trama, e faz sua escala conceitual sobre o longa, baseando-se em cinco aspectos: Elenco, Figurino, Efeitos Especiais, Roteiro e Diversão. Vamos à eles: 

Elenco (1,4/2,0)

Com Tom Hanks, qualquer cena torna-se especial. Apesar de já estar "ultrapassado", segundo alguns críticos, o ator de 60 anos ainda consegue incorporar fielmente o professor Robert Langdon, intrigando a todos com sua inteligência quando o assunto é simbologia.

Tendo também o sempre implacável Omar Sy e a bela Felicity Jones, o elenco fica na média, levando também em conta as atuações comuns de Irrfan Khan Sidse Knudsen

Figurino (0,8/2,0)

Em relação ao figurino, não houveram grandes novidades. Os trajes utilizados são os adequados para os personagens do enredo, que traz todos bem vestidos como pessoas de importância, assim como em Código da Vinci Anjos & Demônios.

Efeitos Especiais (1,6/2,0)

Talvez aqui tenhamos o ponto alto do filme. Ao contrário dos longas anteriores, Ron Howard investiu de maneira pesada nos efeitos especiais, que fazem-se presentes nas ilusões de Langdon durante o filme, trazendo uma visão realista do Inferno de Dante.

Roteiro (1,0/2,0)

Controverso, o roteiro traz, obviamente, a visão cinematográfica de Ron Howard sobre o livro. Desagradando muitos fãs, o longa corta vários detalhes importantes, mudando inclusive o final do filme, algo que não foi bem visto pelos leitores de Dan Brown.

Diversão (1,0/2,0)

É evidente que, quem apaixonou-se pelos dois filmes anteriores, ainda vai defender "Inferno" como intrigante e misterioso. Mas a verdade é que, desta vez, os enigmas não são tão interessantes quanto os anteriores, e o longa traz um ritmo mais parado, com um início pouco empolgante para seus espectadores.

TOTAL: 5,8/10

No total, "Inferno" não fez tanto sucesso quanto o esperado. Mesmo sendo sucesso de bilheterias no momento, o longa não será tão lembrado quanto os anteriores.