Brasil pode manter duas produções para as indicações do Oscar 2017

Curta de animação e drama nacional são pré-indicados

Brasil pode manter duas produções para as indicações do Oscar 2017
(Foto: Divulgação / Disney)

O Brasil segue com dois indicados para o Academy Awards 2017, nas categorias de Melhor Curta-Metragem e  Melhor Filme Estrangeiro. Respectivamente falando, o curta indicado para a seleção dos cinco principais é Trabalhos Internos (Inner Workings), do brasileiro Leo Matsuda. O curta mostra o personagem Paul, que vive uma rotina tediosa e repetitiva devido as atividades profissionais, mas que tem ambições emocionais reveladas e conflitantes com o seu dia a dia pré-determinado. A grande sacada está na forma como tudo é retratado através dos personagens que montam Paul, seus órgãos. Seguir seu cérebro ou seu coração?

No dia 24 de Janeiro saberemos se Trabalhos Internos estará diretamente no páreo, por hora concorre entre os dez pré-indicados na categoria. Na indicação de Melhor filme estrangeiro está Pequeno Segredo, drama que trata do impasse de um membro adotado na família em manter ou não um determinado aspecto no anonimato. A escolha do longa para disputar a indicação veio do governo brasileiro e acabou desbancando o também dramático Aquarius. Até então tido como indicado para concorrer na categoria pelo Brasil.

Em 2003, Cidade de Deus era indicado nas categorias de Melhor diretor, Melhor roteiro adaptado, melhor edição e melhor fotografia. Sendo retirado de última hora da indicação e Melhor filme estrangeiro pela Academia. Assim como Central do Brasil, indicado e mantido nessa categoria, não conseguiu nenhuma estatueta. Agora resta ao público brasileiro aguardar e torcer pelas produções nacionais no Oscar 2017.