LoL: má conduta de 'tockers' gera repercussão internacional e jogador é penalizado

Jogador não tem se comportado bem nas filas ranqueadas e foi punido com multa Riot Games

LoL: má conduta de 'tockers' gera repercussão internacional e jogador é penalizado
(Foto: Divulgação/Riot Games Brasil)

O jogador Gabriel "tockers" Clausmann do time de League of Legends da Vivo Keyd se envolveu em polêmica de repercussão internacional por "má conduta" nas filas ranqueadas logo após seu retorno ao Brasil do bootcamp na Coreia do Sul. A Riot Games determinou nesta quarta-feira (23) que tockers receberá punição por conduta inadequada em jogo de fila ranqueada. Dessa forma, jogador deverá pagar uma multa de R$ 2 mil. Clique aqui para ver a decisão.

Na decisão, a Riot Games menciona também Filipe "Ranger" Brombilla, da KaBuM, que receberá multa de mesmo valor sob a penalidade de comportamento tóxico em jogos da fila ranqueada. A empresa acredita que punições são uma forma efetiva quando estruturadas buscando reforma. E quando se trata de jogadores profissionais, condutas inadequadas não são toleradas. 

Tockers foi acusado de "trollar", ou seja, uma má conduta esportiva e atrapalhar ao menos dois jogos em fila ranqueada brasileira. O caso ganhou repercussão internacional com direito a exposição no reddit, o principal fórum de discussão do mundo, ficando entre os 10 principais tópicos de League of Legends. A postagem no fórum traz inclusive vídeos em que tockers se mata propositalmente e se recusa a jogar em equipe afirmando que "não ligava" para aquela partida "pois estava no CBLoL".

O comunicado de penalidade da Riot Games já foi liberado, mas até o momento, tockers não se pronunciou publicamente sobre as acusações, a proporção que as repercussão chegaram ou sobre a penalidade recebida.