LoL: Definidos os finalistas da Superliga ABCDE 2018
(Fonte: Divulgação/Superliga ABCDE)

LoL: Definidos os finalistas da Superliga ABCDE 2018

Após semifinais desse fim de semana, INTZ e paiN se enfrentarão pelo título da Superliga

yumasashy
João Pedro Ribeiro Leandro

Neste fim de semana (15 e 16), foram definidas as equipes que disputarão o título da Superliga ABCDE 2019. De um lado a INTZ eSports irá defender o posto de atuais campeões após massacrar a Vivo Keyd, e do outro, a paiN Gaming ao derrotar o Santos, acabando com a alegria da grande legião de fãs do Peixe.

INTZ ESPORTS 3 - 0 VIVO KEYD

No sábado (15), a INTZ enfrentou a Vivo Keyd em sua semifinal. A melhor de 5 foi extremamente unilateral para o lado dos Intrépidos, sem dar chances para uma reação de seus adversários, garantindo sua vaga na final. 

No primeiro jogo, a INTZ utilizou da pressão criada pelo Olaf do caçador Shini para colocar visão avançada no mapa, que possibilitou bons pickoffs se utilizando da Flecha de Cristal da Ashe, do atirador Mills e a rápida rotação do Kassadin do meio Envy. Sem complicações, os Intrépidos fecharam a partida aos seus 35 minutos.

No segundo jogo do dia, a Keyd apostou em uma composição voltada para grandes lutas com Lissandra, Miss Fortune e Shen,  com uma entrada muito forte, já a INTZ focou em fortalecer o Aatrox de Envy e o Karthus de Mills, que são fontes de dano extremamente confiáveis no mid/late game. E não deu outra, após o jogo chegar em seus 30 minutos, o Aatrox e o Karthus conseguiram minar todas as defesas da Keyd e encerrar o jogo.

Partindo para o último e decisivo jogo, a INTZ também conseguiu o controle desde a fase de rotas, com o Urgot do topo Tay liberando o mapa para rotações da equipe, que mesmo com algumas "empolgadas" conseguiu tomar as rédeas da partida para fechar a série com um limpo 3 a 0.

O meio Envy foi eleito o King Of The Match da série, com destaque para seu Kassadin e Aatrox.

Fonte: Divulgação/Superliga ABCDE
Fonte: Divulgação/Superliga ABCDE


PAIN GAMING 3 - 2 SANTOS E-SPORTS

Já no domingo (16), foi dia da paiN Gaming enfrentar o Santos e-Sports, 

Na primeira partida, ambas as equipes tiveram uma fase de rotas boa, cada uma em um lado do mapa. O momento que criou a vantagem para a equipe do Santos foi uma luta muito bem encaixada aos 26 minutos de jogo,  onde eliminaram 3 jogadores e conseguiram o buff do Barão. O Santos usou da vantagem e do buff para destruir as defesas da paiN e encerrar a partida aos 31 minutos.

Já na volta, a equipe da paiN conseguiu um bom trabalho nas escolhas, estreando a campeã Neeko na Superliga, que foi um excelente counter para a Akali do meio NOsFerus. A paiN conseguiu um melhor controle nas rotas, com boas rotações do Gragas suporte de esA, dando condições para a equipe dominar os objetivos, principalmente o Dragão, que a equipe executou quatro buffs. Após destruírem todas as torres interiores (T2), a equipe ainda assegurou um Baron sem contestação aos 23 minutos de partida, que foi utilizado para a paiN marchar rumo ao Nexus, empatando a série.

A partida de desempate foi bem parecida com a segunda, a paiN Gaming conseguiu uma excelente fase de rotas, com destaque para a Syndra do meio tinowns, que chegou a ficar 3/0 com 7 minutos de jogo. A paiN confirmou a superioridade na partida aos 22 minutos, onde venceu uma luta e conseguiu seu terceiro Dragão Infernal e o buff do Barão, que possibilitou abrir a base do Santos e virar a série aos 28 minutos.

Na quarta partida, o Santos começou a fase de rotas melhor, conseguindo vantagem para a Akali e para o Aatrox, a vantagem foi crescendo com o split push da equipe, sem deixar a paiN encaixar a grande luta que eles buscavam com o combo de Galio Xin Zhao. As equipes trocaram vitórias por todo o jogo, a paiN conseguiu um bom controle dos Dragões, mas o Santos conseguia ter boas lutas. O que realmente definiu o resultado dessa partida foi uma luta iniciada pela paiN aos 35 minutos, onde tudo parecia ter dado certo para a equipe mas a Akali do meio santista NOsFerus estragou os planos da paiN, fazendo uma limpa na luta. Com 4 jogadores mortos, o Santos foi rumo ao Barão e o utilizou para acabar com a partida, levando ela para o último de decisivo jogo 5.

A paiN se mostrou fortíssima já no early game o que lhe garantiu o domínio da partida decisiva. O atirador Matsukaze foi King of the Match.

A final será disputada por paiN e INTZ e já tem data marcada: 23 de dezembro (próximo domingo), em São Paulo.

VAVEL Logo