Playoffs NFL: Sean McVay muda patamar e Rams retornam à pós-temporada após 12 anos

Comissão técnica liderada pelo treinador de 31 anos modifica por completo a franquia de Los Angeles, melhor ataque da temporada 2017/18 da NFL

Playoffs NFL: Sean McVay muda patamar e Rams retornam à pós-temporada após 12 anos
Da água para o vinho: chegada de Sean McVay muda patamar e Rams retorna aos playoffs após 12 anos

A temporada regular 2017/18 da NFL foi, sem dúvidas, uma das mais imprevisíveis dos últimos anos. Em comparação ao ano passado, oito equipes que não participaram da pós-temporada garantiram vaga nos playoffs em 2018. É o caso do Los Angeles Rams.

Após um péssimo 2016/17, onde os Rams terminaram com apenas quatro vitórias (todas por seis pontos ou menos) e doze derrotas, o time da Cidade dos Anjos trocou de comissão técnica e mudou da água para o vinho.

Em 2018, terminou com 11 vitórias e apenas cinco derrotas, com o título da Divisão Oeste da Conferência Nacional (NFC), retornando aos playoffs após 12 anos. Neste sábado (6), às 23h15, a equipe de Los Angeles recebe o atual vice-campeão Atlanta Falcons, tentando uma vaga no Divisional Round.

A principal mudança neste ano em relação a temporada passada foi a chegada do novo treinador, Sean McVay. Com apenas 31 anos, o ex-coordenador ofensivo do Washington Redskins transformou o pior ataque da NFL no melhor – primeiro time a realizar este feito na Era Super Bowl, desde 1966, marcando quase 30 pontos por jogo em 2017/18. Em 2016/17, a média foi de apenas 14 pontos por partida.

Apresentado no dia 13 de janeiro, McVay se tornou o head coach mais novo da história da NFL | Foto: Lisa Blumenfeld/Getty
Apresentado no dia 13 de janeiro, McVay se tornou o head coach mais novo da história da NFL | Foto: Lisa Blumenfeld/Getty

Além do cargo de head coach, McVay foi responsável por uma mudança geral na comissão técnica: ao seu lado, levou o coordenador ofensivo Matt LaFleur, o treinador de quarterbacksGreg Olson, além de Aaron Kromer, treinador de linha ofensiva, responsável pela solidificação do jogo terrestre no Buffalo Bills nos últimos dois anos de liga.

No seu sexto ano como general managerLes Snead focou em reforços pontuais para melhorar principalmente o setor ofensivo, com as chegadas do left tackle Andrew Whitworth e do center John Sullivan, além de um forte corpo de recebedores com Sammy WatkinsRobert Woods Cooper Kupp.

A solidificação da offensive line, somada ao recém-formado corpo de recebedores ajudou o segundo anista Jared Goff a ter uma ótima performance e bem melhor em relação ao seu ano como rookie. Em 2017, o quarterback lançou para 28 touchdowns e apenas sete interceptações; 3.804 jardas aéreas e um rating de 100.5.

Não apenas de jogo aéreo vivem os melhores ataques na NFL, outro fator primordial para a excelente campanha dos Rams foi Todd Gurley. Com o segundo melhor número de jardas corridas na temporada - 1.305, o running back anotou 13 touchdowns, além das 788 jardas recebidas e seis TDs aéreos, tornando Gurley um dos nomes para receber o MVP da temporada regular.

Como reforçou durante todo o ano, McVay - cotado para ser eleito o melhor treinador da temporada, não gosta de receber os créditos sozinho. Com 28 turnovers forçados, a defesa também se mostrou importante para o desempenho da franquia de LA, liderada pelo coordenador defensivo John Fassel.

Descansando os titulares, os Rams perderam para o San Francisco 49ers na última rodada da temporada regular. Após o resultado, McVay elogiou os jogadores que fizeram parte do revés e projetou o duelo diante dos Falcons neste sábado.

"Acho que nossos jogadores fizeram um belo trabalho, atuando de forma consistente durante todo o ano com a ajuda dos treinadores. No futebol americano, sempre falamos que a pontuação nas partidas é um dos principais fatores do esporte, mas para nós é também sobre vencer jogos da forma correta. Na próxima semana (contra o Falcons) será um grande desafio para nós e estamos bastante animados", destacou McVay.

O caminho para o Super Bowl LII começa neste sábado, em casa, para o Los Angeles Rams. A campanha na temporada regular credita a franquia da Califórnia como uma das favoritas na NFC. Resta saber se a falta de experiência de suas principais estrelas - McVay (31), Goff (23) e Gurley (23) pesará contra Los Angeles nos playoffs, ou se o cenário da temporada regular irá se repetir, com o trio deixando as idades de lado e liderando a equipe a caminho do título do Super Bowl, não conquistado pelos Rams desde a temporada 99/00.

Assim como durante toda a temporada regular, dupla Goff-Gurley será de suma importância para o desempenho ofensivo de LA nos playoffs | Foto: Ezra Shaw/Getty
Assim como durante toda a temporada regular, dupla Goff-Gurley será de suma importância para o desempenho ofensivo de LA nos playoffs | Foto: Ezra Shaw/Getty