Messi confirma expectativas e leva a Bola de Ouro pela quarta vez consecutiva
Lionel Messi: previsível prêmio para o imprevisível argentino (Foto: AFP)

Sem surpresa alguma, Lionel Messi foi premiado nesta segunda-feira (7) como o melhor jogador do mundo, mais uma vez. Assim, Messi recebeu sua quarta bola de ouro consecutiva, e se tornou o recordista do prêmio. O argentino desbancou o companheiro Iniesta, que ficou em terceiro, e o português Cristiano Ronaldo, que ficou novamente com a segunda colocação. 

A surpresa da noite foi pela Seleção Mundial da FIFA/FIFPro contar apenas com jogadores que atuam no campeonato espanhol. Miroslav Stoch foi escolhido como autor do mais belo gol da temporada, e Wambach foi a melhor entre as mulheres. Pia Sundhage foi eleita a melhor treinadora do futebol feminino, enquanto Vicente Del Bosque foi premiado como melhor técnico masculino.

Messi, soberano, recebe mais votos que os dois rivais juntos; Wambach supera Marta e Neymar fica sem gol mais bonito

Numa votação com capitães e treinadores de 209 seleções, além de jornalistas, o argentino Lionel Messi recebeu 41% dos votos, contra 23% de Ronaldo e 10% de Iniesta. Messi conquistou apenas a Copa do Rei em 2012, mas foi soberano em números. Em 2012, o jogador marcou 91 gols em apenas 69 partidas, e quebrou a marca de Gerd Muller como recordista de gols em apenas um ano. Seguindo a lista, Xavi foi o quarto, Falcao García o quinto. Casillas ficou com a sétima colocação, enquanto Pirlo, Drogba, van Persie e Ibrahimovic completaram o Top10. O brasileiro Neymar apareceu na 13ª colocação.

O prêmio de melhor jogadora veio das mãos da goleira americana Hope Solo. Entre Alex Morgan e Marta, o troféu ficou com a americana Abby Wambach. "Realmente não podia esperar por isso. É importante ressaltar que vencer qualquer prêmio individual é o resultado total do time em que você joga", disse, visivelmente surpresa.

O colombiano Carlos Valderrama foi chamado ao palco para entregar o Prêmio Puskás da FIFA, dado ao gol mais bonito do ano. Competindo contra o brasileiro Neymar e o colombiano Falcao García, quem venceu foi o eslovaco Miroslav Stoch, que atua no Fenerbahce.
 
Luiz Felipe Scolari, técnico da Seleção Brasileira de futebol, entregou o prêmio de Treinador Masculino do Ano para Vicente Del Bosque, campeão da Eurocopa 2012 com a Espanha. Felipão também anunciou que Pia Sundhage, campeã olímpica pelos Estados Unidos, foi escolhida a melhor treinadora feminina de 2012. 
 
Além disso, houve também a premiação da seleção do ano. O ucraniano Andriy Shevchenko, que se aposentou no ano de 2012, foi escolhido para anunciar os vencedores do prêmio. Nele, um caso curioso: dez dos onze atletas atuavam em Real Madrid ou Barcelona. A exceção ficou por conta de Falcao García, do Atlético de Madrid, também da La Liga. O time ideal foi composto por Iker Casillas, Dani Alves, Gerard Piqué, Sérgio Ramos, Marcelo; Xabi Alonso, Xavi Hernández, Andrés Iniesta; Cristiano Ronaldo, Falcao García e Lionel Messi.
VAVEL Logo