Shakhtar vira sobre Dynamo e vence clássico ucraniano

Líder desde as primeiras rodadas, o Shakhtar Donetsk venceu neste domingo (07) mais um clássico contra o Dynamo de Kiev, e não só abriu 17 pontos de vantagem na liderança, como também impediu que os rivais retomassem a vice-liderança do Campeonato Ucraniano. Yarmolenko abriu o placar para o Dynamo, mas Danilo Silva (contra) e Mkhitaryan viraram o jogo para o Shakhtar, que venceu por 2 a 1.

O Dynamo já entrou em campo com o peso de retomar a segunda colocação, roubada pelo Metalist, que com um gol do meia Cleiton Xavier, ex-Figueirense e Palmeiras, venceu o Volyn, e saltou para 49 pontos, dois a mais que o time de Kiev.

Já sabendo do resultado do rival, o Dynamo abriu o placar logo aos 10 minutos de jogo, com o jovem Yarmolenko, aproveitando bola mal afastada na área do Shakhtar e, dentro da pequena área, batendo firme de pé esquerdo para marcar. O Shakhtar, mais organizado, pressionou, e minutos depois acertou a trave em finalização de Taison. Por toda a primeira etapa o que se viu foi um Shakhtar mais incisivo, no entanto, o Dynamo se defendeu o quanto pôde.

O clima que já era tenso esquentou ainda mais quando Yarmolenko entrou duro em Luiz Adriano, acertando o tornozelo do brasileiro, levando apenas cartão amarelo, acirrando ainda mais a disputa. No final de uma primeira etapa nervosa, com seis cartões amarelos, o Shakhtar ameaçou mais uma vez, Mkhitaryan bateu firme, Danilo Silva desviou contra o próprio patrimônio, e acabou marcando contra, igualando o marcador.

Melhor durante quase toda a primeira etapa, o Shakhtar alcançou o empate antes do intervalo e foi para os vestiários querendo mais.

Logo no início do segundo tempo, o Dynamo de Kiev perdeu chance incrível com Ideye Brown, que após vacilo da defesa do Shakhtar recebeu na linha da pequena área, mas mesmo sem goleiro, o atacante conseguiu acertar a trave.

Quando o relógio marcava minutos da segunda etapa, o Shakhtar marcou o gol da virada. Eduardo recebeu na ponta esquerda, foi até a linha de fundo, e rolou para trás, Mkhitaryan entrou livre, bateu de primeira e estufou as redes de Koval. Já sem o mesmo ritmo e tenso no jogo, o Dynamo sofreu a virada e não mostrou ter forças para esboçar uma reação.

Ambas as equipes voltam a campo no próximo sábado, dia 13 de abril. O Dynamo visita o Karpaty, antepenúltimo colocado, enquanto o mais do que líder Shakhtar volta para Donetsk, onde recebe o Zorya Luhansk, atualmente na nona colocação. 

VAVEL Logo