Sem dificuldades, Alemanha vence a Islândia por 3 a 0 pela Euro feminina

Sem dificuldades, a Alemanha venceu a Islândia por 3 a 0 em Vaxjo neste domingo (14), pela Eurocopa feminina realizada na Suécia. Atuais pentacampeã do torneio, as germânicas passaram a dividir a liderança do grupo B com a Noruega, que mais cedo, venceu a Holanda por 1 a 0. Ambas têm quatro pontos e se enfrentam na próxima rodada em Kalmar. Já a Islândia fica com um ponto, o mesmo que a Holanda, mas ambas ainda podem se classificar, tanto pela segunda colocação - dependendo de combinações - quanto por um dos dois melhores terceiros lugares - vai depender do resultado do duelo marcado para quarta-feira (17) em Vaxjo.

Logo nos primeiros minutos, ficou claro o senso de urgência da Alemanha para marcar o gol mais rápido possível. Isso porque a Islândia entrou em campo já sabendo que o empate bastaria. E diferente do duelo contra a Noruega, as islandesas praticamente não criaram jogadas, dando três chutes a gol em toda a partida. Diferente das alemãs, que ao todo, chutaram 25 bolas a gol, sendo 13 no alvo.

Com tamanha pressão, foi questão de tempo até a barreira islandesa ceder. Com a armação das jogadas sob a tutela de Dzsenifer Marozsán, a Alemanha foi abrindo o caminho para o primeiro gol. Aos 17, Lena Lotzen aproveitou a cobrança de falta de Marozsán e cabeceou com estilo, obrigando Gudbjörg Gunnarsdóttir a fazer ótima defesa. Segundos depois, a lateral-direita Dóra Maria Larúsdóttir afastou a tentativa de Célia Okoyino da Mbabi em cima da linha.

Com liberdade para articular, Marozsán novamente caprichou no passe ao encontrar Lotzen livre na direita. A ponta driblou Hallbera Gísladóttir e bateu no canto esquerdo de Gunnarsdóttir. É o primeiro gol da meia de apenas 19 com a camisa da Alemanha. Já próximo do intervalo, a goleira Gunnarsdóttir evitou o pior ao fazer duas defesas espetaculares em sequência, primeiro na cabeçada de Nadine Kessler e depois no rebote com Leonie Maier.

Na segunda etapa, o domínio alemão continuou muito evidente, e mesmo com as alterações, a Islândia teve a sorte de não ser goleada, mas serviu para acordar a artilheira Okoyino da Mbabi, que depois dos 17 gols na fase de qualificação, havia passado em branco contra a Holanda. Mbabi aproveitou o rebote de Gunnarsdóttir após chute de Maier e marcou o primeiro dela na Euro. Já próximo do fim, Mbabi sacramentou a vitória ao desviar o cruzamento de Fatmire Bajramaj da direita. 

A Eurocopa feminina continua amanhã com a segunda rodada dos jogos do Grupo C - a Inglaterra encara a Rússia em Linkoping enquanto a Espanha enfrenta a França em Norrkoping.

VAVEL Logo