França vence por 3 a 0 e elimina a Inglaterra da Euro feminina

França vence por 3 a 0 e elimina a Inglaterra da Euro feminina

Inglesas precisavam de pelo menos de um empate para seguir com chances de classificação para o mata-mata; francesas vão enfrentar a Dinamarca nas quartas (Foto: Reprodução/Getty Images)

thiago-ienco
Thiago Ienco
FrançaDeville; Franco, Delannoy, Renard, Houara; Henry (Catala, min. 60), Soubeyrand (Bussaglia, min. 46); Thomis, Thiney (Abily, min. 46), Necib; Le Sommer
InglaterraBardsley; A. Scott, Stoney, Bradley, Houghton; Carney (Clarke, min. 73), Williams, Asante (J. Scott, min. 46), Aluko (Smith, min. 60); Duggan e White
Placar1-0, min. 9, Le Sommer. 2-0, min. 62, Necib. 3-0, min. 64, Renard.
ÁRBITROKirsi Heikkinen (Finlândia) - Advertida: Williams (min. 76)
INCIDENCIASEuro Feminina - Suécia 2013 - 7.332 espectadores - Linköping

Sem qualquer dificuldade, a França varreu a Inglaterra de campo e venceu por 3 a 0 nesta quinta-feira (18) em Linköping, pela terceira e última rodada da fase de grupos da Eurocopa feminina, realizada na Suécia. Com o resultado, as francesas avançam para as quartas-de-final com a melhor campanha geral - foram três vitórias em três jogos (nove pontos), sete gols marcados e apenas um sofrido. A adversária nas quartas será a Dinamarca .

A segunda colocação do Grupo C ficou com a Espanha (quatro), que empatou com a Rússia por 1 a 1 em Norrköping. As espanholas vão enfrentar a Noruega na próxima fase. A Rússia chegou a disputar com a Dinamarca um colocação entre as duas melhores terceiras colocadas, mas por sorteio, foi definido que a última ficou uma das vagas, já que a outra pertence à Islândia. Com apenas um ponto, a Inglaterra retorna para casa.

Com a classificação já garantida e seis alterações no time titular em relação ao que enfrentou a Espanha na rodada passada, era de se esperar uma França desinteressada numa partida que valia muito para a Inglaterra. A técnica Hope Powell inclusive mudou o sistema, do 4-2-3-1 para o 4-4-2, para criar um dinamismo ofensivo maior e assim conquistar pelo menos um empate diante das francesas.

O que se viu, no entanto, foi um domínio completo da França. O meio-campo deixava as zagueiras inglesas trocarem passes, mas assim que a bola chegava nas meias Fara Williams e Anita Asante, a marcação apertava e logo recuperava a bola. Assim, ficou fácil para a armadora Louisa Necib (fez sua 100ª aparição pela seleção hoje), que a todo momento, era abastecida com qualidade e assim distribuía jogo para as pontas Élodie Thomis/Gaëtane Thiney e a atacante Eugénie Le Sommer.

Logo aos oito minutos, a França deu o primeiro susto com Le Sommer, que recebeu de Necib na esquerda e bateu forte, acertando a trave direita de Karen Bardsley. Menos de um minuto depois, em uma jogada parecida, só que com a assistência de Thomis, Le Sommer abriu o placar, batendo no canto direito de Bardsley. A pressão francesa continuou e por pouco o placar não terminou em 4 a 0 antes do intervalo. Isso porque Sandrine Soubeyrand, Thomis e Necib encheram o pé e criaram boas tentativas.

Na segunda etapa, tanto Powell quanto Bruno Bini mudaram as equipes, mas a França seguiu muito superior. Jill Scott entrou no lugar de Asante para acrescentar consistência no meio-campo, mas pouco pode colaborar - tanto ofensivamente quanto defensivamente, já que Necib seguia "distribuindo as cartas" na faixa central com muita liberdade.

Aos 11, a camisa 14 colocou Thomis cara-a-cara com Bardsley, mas a winger chutou por cima do travessão. Pouco depois, foi a vez de Necib decidir e ela não decepcionou. Após receber passe de Le Sommer no meio da área, a meia do Lyon bateu bonito, um chute bem colocado no canto esquerdo de Bardsley. A torcida francesa em Linköping ainda comemorava quando Wendie Renard subiu bem em cruzamento de Necib e testou a bola para o fundo das redes. É o terceiro gol da zagueira na Euro, se igualando à também zagueira Nilla Fischer, da Suécia.

Necib parecia determinada na tarefa de ajudar a winger Thomis balançar as redes, no entanto, esta novamente teve uma chance cara-a-cara com Bardsley e chutou para fora. Vice-campeã em 2009, a Inglaterra encerrou sua campanha melacólica na Euro 2013 ao dar o primeiro e único chute no alvo na partida somente aos 44 minutos do segundo tempo.

As quartas-de-final da Eurocopa feminina serão realizadas no domingo (21) e na segunda-feira. Confira os jogos e os horários (de acordo com o de Brasília):

  1. Suécia x Islândia (21/07 - 10h - Halmstad)
  2. Itália x Alemanha (21/07 - 13h - Växjö)
  3. Noruega x Espanha (22/07 - 13h - Kalmar)
  4. França x Dinamarca (22/07 - 15h45 - Linköping) 
VAVEL Logo