Freiburg bate Bayer Leverkusen e complica a vida dos aspirinas

Vivendo momentos distintos na Bundesliga, Freiburg e Bayer Leverkusen se enfrentaram pela 18ª rodada da competição. Precisando da vitória para sair do sufoco do rebaixamento, o time da casa sofreu mas conseguiu a vitória diante do vice-líder pelo placar de 3 a 2. Mehmedi, Schmid e Klaus marcaram a favor do Freiburg enquanto Bender e Rolfes descontaram para o time da fábrica.

Com a derrota, os comandados de Sami Hyypia seguem na 2ª posição com 37 pontos conquistados porém à 10 do líder Bayern que venceu o Borussia Mönchengladbach pelo placar de 2 a 0. Enquanto isso, o Freiburg escapou provisoriamente da zona de rebaixamento, pois Hamburgo e Eintracht Frankfurt ainda jogarão na rodada.

Primeiro tempo movimentado com superioridade do Leverkusen

Sem poder contar com Sam e Kruse, devido a lesão, além das baixas da dupla de zaga Spahic e Wollscheid, ambos por suspensão, Sami Hyypia encontrou dificuldades para escalar os 11 iniciais da equipe do Leverkusen. Do outro lado, Christian Streich, treinador do Freiburg, pôde contar com todos os seus jogadores, com exceção de Freis e Terrazzino que estão no departamento médico.

Nos primeiros três minutos de jogo, o time da casa manteve a posse da bola e chegou a primeira finalização, com Darida. O camisa 7 arriscou de fora da área e Leno estava bem posicionado para fazer a defesa. Logo depois, o Leverkusen respondeu com um gol. Lars Bender arriscou de fora da área e a bola morreu no canto direito do goleiro Baumann, abrindo o placar para os visitantes.

A partir daí, o Bayer 04 impôs seu ritmo de jogo e dominou os minutos seguintes, sendo mais preciso em suas chegadas ao ataque, sem dar oportunidades ao Freiburg. Com 16 minutos no relógio, Bender arriscou mais uma vez e a bola subiu muito, sem assustar Baumann. Em mais uma chegada dos aspirinas, Castro efetuou um cruzamento e Kießling testou nas mãos do goleiro. Logo após veio a resposta do time da casa, em bola alçada na área, Mehmedi cabeceou e Leno defendeu com tranquilidade.

Mesmo dominando a partida, o Leverkusen sofreu o inesperado. Em jogada trabalhada, Mehmedi arriscou de fora da área e acertou um lindo chute, sem chances para Leno. Com o gol marcado, o Freiburg se encontrou em campo, chegando mais ao ataque. O time visitante também respondia da mesma forma, tornando assim a partida muito movimentada. Em cruzamento efetuado por Castro, Rolfes cabeceou e colocou novamente o time da fábrica em vantagem antes do apito do intervalo: 2 a 1.

Freiburg volta melhor e mata a partida nos minutos finais

Para a segunda etapa, o treinador Christian Streich promoveu a entrada de Klaus no lugar do amarelado Pilar, enquanto Sami Hyypia optou por manter o mesmo time do primeiro tempo. Mudança que fez efeito logo nos primeiros dez minutos, onde o Freiburg foi melhor. Em cobrança de falta, Schmid contou com uma falha da defesa para empatar a partida. Com o decorrer do espetáculo, o time da casa retomava o controle, chegando ao ataque com mais facilidade e mesmo assim, sofria com os contra-ataques.

Aos 17 do segundo tempo, duas chegadas perigosas do time visitante. Primeiro com Kießling, obrigando Baumann a fazer uma boa defesa. Logo após, Castro tentou o chute e a bola desviou no meio do caminho, quase enganando o goleiro. O Freiburg chegava ao ataque frequentemente, mas faltava pontaria para a equipe chegar a virada. Do outro lado, não era diferente. Son usou da sua velocidade para chegar ao ataque mas finalizou pra fora. 

Faltando 20 minutos para o fim da partida, Hyypia decidiu mexer na sua equipe e colocou Derdiyok no lugar do apagado Kießling. De início, a mudança não surtiu muito efeito pois a bola pouco chegava ao ataque mas com o passar do tempo, o atacante foi muito participativo e, em sua jogada, por pouco o Leverkusen não passou a frente no marcador. Castro chegou chutando e a bola bateu na rede pelo lado de fora. Mais uma vez, o treinador finlandês mexeu na sua equipe. Son deu lugar ao seu jovem compatriora Ryu que, na primeira chance que teve, foi travado ao finalizar. 

No fim da partida, veio o baque. Aproveitando falha de Boenisch, Darida ligou contra-ataque e tocou pra Klaus que, na saída do goleiro Leno, fez o terceiro gol do Freiburg, dando números finais ao placar. Na próxima rodada, o Freiburg visitará o Mainz, enquanto o Leverkusen receberá o Stuttgart.

VAVEL Logo