Manchester City vacila, apenas empata com o Norwich e cai na tabela

Na tarde desde sábado (08), Manchester City e Norwich se enfrentaram em partida válida pela 25ª rodada da Premier League. Novamente cheio de desfalques e irreconhecível, a equipe de Pellegrini conseguiu somente um empate sem gols e caiu para a terceira posição.

Para esta partida, o Manchester City já entrou em campo sabendo que, em caso de vitória, voltaria para a liderança graças a derrota sofrida pelo Arsenal na abertura da rodada. Com a volta de Demichelis para a defesa e com Jovetic começando pela segunda vez na temporada como titular, Pellegrini tentou manter as características da equipe mesmo recheado de desfalques.

Com este empate, o City não consegue passar dos 54 pontos. A equipe não ultrapassa o Arsenal, que foi goleado pelo Liverpool e ficou com 55, e ainda perde a posição para o Chelsea, que bateu o Newcastle, foi a 56 pontos e se tornou o novo líder isolado da Premier League.

Na rodada seguinte, o Norwich, que está na beira da zona de rebaixamento, vai à Londres enfrentar o West Ham. Já o Manchester City joga em casa, contra o futuro rival na decisão da Capital One Cup, Sunderland.

Primeiro tempo é marcado pelo equilíbrio

Na primeira etapa, o time visitante até teve mas posse de bola, mas encontrava dificuldade em encontrar espaços entre as linhas de marcação do Norwich com Silva e Jovetic. Já os Canários, marcavam bem e sempre que tinham a posse no campo de ataque tentavam levar perigo ao gol de Hart, tendo até um gol anulado. Apesar de um pouco apagado, Jovetic foi quem mais levou perigo pelos citizens.

No inicio da partida, com o City tendo mais posse de bola, David Silva teve a chance de abrir o placar mas foi travado por Olsson na hora da finalização. Aos 15, aconteceu o primeiro chute com perigo. Em saída errada de Demichelis e Navas, Redmond recebeu livre e chutou por cima do gol de Hart. No lance seguinte, o Norwich teve um gol corretamente anulado. Em escanteio, Bassong exigiu grande defesa de Hart e na sobra, Hooper mandou para as redes, em posição irregular.

City tocava a bola, com Yaya Touré e Milner tentando se entender jogando juntos como volantes pela primeira vez. Aos 33, Zabaleta ficou com a sobra de uma boa jogada, adiantou e chutou pela direita do gol de Ruddy. Minutos depois, após cobrança de escanteio, Demichelis desviou na primeira trave e Negredo complementou, acertando a trave. Jovetic, que mostrava personalidade, arriscou de fora da área e exigiu mais uma defesa do goleiro dos Canários.

Pressão do time de Manchester não dá resultado

Com poucas opções no banco de reservas, Pellegrini não conseguiu modificar tanto o parâmetro da partida. As entradas de Kolarov e Dzeko na vaga dos atacantes que começaram o jogo, não deram muito resultado. Isso associado a péssima partida de Navas e irregularidade de Silva, impediu os citizens de terem um resultado melhor na segunda etapa. Lopes poderia ter sido testado, mas o técnico chileno realizou apenas duas mudanças.

Apesar do time visitante ter tentado pressionar, chances de gols não foram muitas no segundo tempo. A maioria das jogadas eram laterais, com Zabaleta ou Milner tentando cruzamentos rasteiros para Dzeko, mas no fim, todos acabavam nas mãos de Ruddy. Em escanteios, Navas teve um péssimo aproveitamento, não conseguindo fazer um passar da primeira trave. Já o Norwich teve a chance de surpreender e ainda sair vencedor no fim, mas Fer e Wolfswinkel desperdiçaram as oportunidades.

VAVEL Logo