Para Olaf Thon, Joachim Low deveria ter convocado Lasogga
(Para o ex-jogador e técnico, Lasogga seria a melhor opção (Foto: Reprodução)

O técnico da seleção alemã Joachim Löw foi criticado publicamente por um ex-jogador de sucesso na Alemanha, Olaf Thon. Vice-campeão mundial em 1986, e campeão na Copa do Mundo de 1990, Thon acha que o treinador da seleção alemã deveria ser mais ousado e ter apostado em outros nomes para o ataque da seleção tri campeã mundial.

"Poderíamos ter um ataque mais forte. Gostaria de saber o que o treinador da seleção alemã tem contra o atacante do Borussia Mönchengladbach, Max Kruse, pois para mim não há explicação clara para a sua não convocação", disse Thon sobre o atacante de 26 anos, que na última edição da Bundesliga marcou 12 gols.

"Eu levaria alguém forte como Lasogga do Hamburgo, que praticamente carregou sozinho o time do norte da Alemanha na Bundesliga marcando gols muito importantes para salvar o time. Em um torneio tão longo e com dificuldades como a Copa você precisa de um bom jogo aéreo", disse sobre Pierre-Michel Lasogga, autor de 13 gols na temporada. Thon completou ainda dizendo que Low não deve mudar os seus planos: "Não acho que Low vá mudar seu modo de pensar agora"

Sobre a "geração de 2006", Thon demonstrou respeito, mas disse que essa pode ser a última chance real para jogadores badalados do elenco do treinador alemão.

"Tenho muito respeito por jogadores como Lahm, Mertesacker, Podolski e Schweinsteiger. Eles tem mais de 100 jogos na seleção cada. Mas eles não ficarão mais jovens, e as chances diminuem a cada mundial. Eles tem que aproveitar a chance do Brasil, porque ninguém sabe o que virá depois.", declarou ex-jogador, que disputou 52 partidas com a camisa alemã, disputou três Copas do Mundo, 1986,1990 e 1998.

VAVEL Logo