Zabaleta: “Temos que respeitar a Bósnia”

Antes de estrear em sua primeira Copa do Mundo, Pablo Zabaleta falou, neste sábado (31), que a Argentina não pode menosprezar os adversários e acredita que a Bósnia será um grande desafio logo na estreia.

O lateral, campeão inglês com o Manchester City, acredita que a Bósnia, que venceu a Costa do Marfim por 2 a 1 nesta sexta (30), pode surpreender os adversários na competição e uma das razões para isso é o fator de ter Edin Dzeko no ataque. O argentino falou sobre o companheiro de clube.

“A última vez que falei com ele foi no jogo que vencemos a Premier League. Antes conversamos como iria ser a preparação de cada um de nós para o Mundial, não foi muita coisa. A Bósnia é um rival que devemos respeitar, pois conta com bons jogadores. Argentina tem mais qualidade que a Bósnia, mas temos que jogar as partidas. Chegamos com as mesmas ilusões, será uma estreia para ambos”, comentou Zabaleta.

Zabaleta também comentou quais são os principais favoritos para o título e, quando questionado sobre qual seleção poderia surpreender na Copa do Mundo no Brasil, citou a Bélgica como grande surpresa.

“Os favoritos serão os mesmos dos mundiais anteriores, por questão de qualidade individual, história, que sempre são fatores chaves. Mas não podemos esquecer de muitas seleções que tem jogadores importantes, que vão ao Mundial sem a pressão dos outros e com um bom desempenho podem chegar as fases finais. A Bélgica, pela qualidade dos jogadores, e eu falei com meu companheiro, Kompany, pode ser a grande surpresa do Mundial. No país há muita expectativa pelo que eles podem fazer”, analisou o lateral.

Argentina e Bósnia estão no Grupo F ao lado de Irã e Nigéria e farão a estreia na Copa do Mundo no dia 15 de junho, às 19h, no Maracanã.

VAVEL Logo