Ribéry não treina e ainda corre risco de não participar da Copa

Faltando exatamente dez dias para o início da Copa do Mundo para a França, Franck Ribéry e os Bleus terão nos próximos dias a definição se o meia irá ou não ter condições para participar do torneio. Com uma lombalgia crônica, o jogador não participou dos treinos desta quinta (5), realizados no centro de treinamento de Clairefontaine, e ainda não sabe se irá participar ou não do próximo amistoso da seleção, que será disputado no próximo sábado contra a Jamaica na cidade de Lille.

Na próxima sexta (6), segundo o auxiliar da França, Guy Stéphan, em entrevista para a rádio RTL, Ribéry irá participar dos treinamentos com seus companheiros e o desempenho do jogador irá determinar se ele irá ou não jogar a partida preparatória um dia depois. “A evolução é favorável e vai melhorar, mas ainda não temos resultado imediato. Todos os cuidados possíveis foram e estão sendo tomados. Amanhã teremos uma seção com o grupo. Se tudo correr bem, ele deverá estar lá”, declarou.

Stéphan também definiu o treinamento como algo fundamental para definir se o jogador do Bayern de Munique virá até o Brasil. “Nós temos uma ideia do que ele é capaz de fazer no campo com a bola e se ele pode continuar no sábado, no domingo, etc. Amanhã é um passo que será importante”.

Já falando sobre uma possível ausência, o treinador Didier Deschamps disse que não tem certeza absoluta se a FIFA irá aceitar a troca de jogador, provavelmente substituído por Rémy Cabella, meia do Montpellier, ou Alexandre Lacazette, atacante do Lyon. “Não temos 100% de certeza”, admitiu Deschamps em entrevista coletiva cedida na última quarta (5).

Grenier participou dos amistosos contra Noruega e Paraguai, mas deve ficar de fora contra a Jamaica (Foto: Thomas Sanson / Getty Images)

Se a preocupação é grande com Franck Ribéry, a França também teve que voltar as suas atenções para outro jogador. O meia Clément Grenier sentiu dores na coxa e teve que interromper as suas atividades mais cedo na tarde desta quinta (5) em Clairefontaine. O jogador sofreu uma lesão similar no músculo adutor, que o afastou do amistoso da seleção francesa contra a Holanda, disputado no começo de março. A situação de Grenier piorou quando seu quadro evoluiu para uma pubalgia e depois para uma infecção, que o deixou longe dos gramados até o mês de maio, fazendo que o jogador atuasse pouco antes da preparação para a Copa do Mundo. Exames para a manhã desta sexta (5) estão marcados para determinar a gravidade da lesão do meia do Lyon.

VAVEL Logo