Argentinos demonstram confiança para a estreia na Copa do Mundo, contra a Bósnia

A Argentina entra em campo apenas no domingo, contra a Bósnia-Herzergovina, às 19h, no Maracanã. Porém, nem mesmo a distância de pouco mais de 48 horas para a estreia dos hermanos no Mundial impediu que os torcedores demonstrassem nas ruas sua paixão e confiança por uma boa campanha nesta edição de Copa do Mundo. 

LEIA MAIS: Argentina: abundância ofensiva, escassez defensiva

Recém-chegado ao Brasil para acompanhar a competição, Facundo Miguel, de 24 anos, acredita em uma vitória tranquila de sua seleção na abertura do Grupo F. Para ele, nem mesmo a pressão de jogar no Maracanã influenciará o desempenho dos jogadores.

"O Maracanã será argentino dessa vez. Nossa equipe é forte e a vitória é certa", garantiu o torcedor, enquanto assistia a partida entre México e Camarões, em um bar da cidade carioca.

Afonso Miguel (28), irmão de Facundo, foi mais além nas suas expectativas e, além de prever o resultado da partida, garantiu não ter medo de Dzeko e companhia.

"Não temos medo da Bósnia. Sabemos que Dzeko é um grande jogador, mas temos uma equipe competente e o melhor ataque do mundo. Venceremos por 3 a 0, sem dificuldades.", afirmou.

Completando o Grupo F da competição, Irã e Nigéria se enfrentam às 16h, na Arena da Baixada, também no próximo domingo (15). Argentina e Bósnia são tidos como os grandes favoritos para avançar para a próxima fase da Copa do Mundo.

VAVEL Logo