De Rossi joga indireta para Balotelli: “Precisamos de homens de verdade, e não de figurinhas da Panini”

Ainda lamentando a derrota da Itália para o Uruguai por 1 a 0 na tarde desta terça-feira (24), no Estádio das Dunas, em Natal, que acabou tirando os italianos das oitavas de final da Copa do Mundo 2014, o volante Daniele De Rossi, que não pôde participar do jogo pois está com uma lesão na panturrilha direita, concedeu entrevista ao jornal italiano La Repubblica e aproveitou a oportunidade para demonstrar sua insatisfação com o desempenho da equipe, sobretudo de alguns jogadores.

De Rossi deu a entender que a mensagem era direcionada ao atacante Mario Balotelli, embora não mencionou o nome de nem um atleta. Mas antes analisou a derrota para o Uruguai.

Com certeza houve alguns componentes que afetaram o resultado, como o calor ou a arbitragem, mas não podemos nos apegar a essas coisas. Temos que esquecer tudo isso rapidamente. Na verdade, eu retiro o que disse. Devemos lembrar bem o que deu errado e começar de novo com homens de verdade”, disse De Rossi ao La Repubblica.

Em seguida, o jogador da Roma começou com as indiretas a Balotelli, embora não chegou a mencionar o nome do atacante do Milan. “Precisamos de homens de verdade, e não de figurinhas da Panini ou de personagens. Esses aí não têm utilidade alguma para a seleção nacional”, admitiu.

Recentemente, Balotelli postou uma foto nas redes sociais com o álbum da Copa do Mundo, comercializado pela distribuidora italiana Panini, completo com figurinhas dele à página dedicada à Squadra Azzurra.

Balotelli não realizou um bom jogo contra os uruguaios e acabou sendo substituído no intervalo da partida, já que havia recebido cartão amarelo e poderia ser expulso no segundo tempo. Além disso, o jogador foi o único atleta do grupo a não aguardar nos vestiários pelo técnico Cesare Prandelli, que no momento estava comunicando à imprensa sua renuncia da Seleção Italiana. Ao invés disso, foi sozinho para o ônibus da delegação italiana.

VAVEL Logo