Treinador da Grécia já tinha passagem para deixar o Brasil após jogo contra Costa Rica
Contrato do treinador acaba nesta segunda-feira (30) (Foto: AP)

A Grécia perdeu nos pênaltis a vaga para as quartas-de-final da Copa do Mundo para a Costa Rica. Mas, independente do resultado, o treinador da seleção, Fernando Santos, já tinha sua passagem de volta a Europa marcada pela Federação Helênica de Futebol. O horário de embarque foi marcado para às 23h30, meia hora antes do fim do contrato do técnico com a seleção da Grécia.

Apesar de se sentir incomodado, Fernando Santos preferiu não falar muito sobre o assunto. “A Grécia já tem um novo treinador. Não sei se não acreditavam na nossa classificação, mas compraram a minha passagem para depois do jogo. Embarque é às 23h30 deste domingo. Não sei porque fizeram, mas é isso”.

-Apesar da eliminação para a Costa Rica, o treinador se mostrou orgulhoso de sua seleção ter alcançado as oitavas de-final do mundial. “Todo mundo trabalhou muito para fazer o melhor para Grécia. Todos se empenharam. Fizemos o melhor e alcançamos um feito histórico para o nosso futebol. Claro que queríamos ter passado, mas infelizmente isso não aconteceu”.

Ainda segundo o treinador, o problema na partida deste domingo (29), foi a tentativa de os jogadores de resolver a partida em lances individuais. “Nos primeiros minutos eles foram mais rápidos e mais objetivos. Depois, conseguimos igualar a partida e tivemos uma oportunidade ainda no primeiro tempo, mas o técnico deles salvou. No segundo tempo, queríamos resolver tudo de forma individual. Buscávamos o protagonismo e pecamos por isso. Além disso, o goleiro deles voltou a fazer grandes defesas. Foi o destaque do jogo”.

VAVEL Logo