Lukaku ressalta força do elenco belga após vitória: "Somos todos heróis"

Na noite desta terça-feira (01), em uma partida de tirar o fôlego, a Bélgica venceu os Estados Unidos na Arena Fonte Nova pelo placar de 2 a 1, confronto este que foi marcado por diversas chances criadas pelos Diabos Vermelhos e pela excelente atuação do goleiro americano Tim Howard. Todos os três gols foram anotados na prorrogação, o segundo dos belgas por Romelu Lukaku, que saiu do banco e fez a diferença a favor da sua equipe, participando ainda da jogada do primeiro gol.

Ao fim da partida, o atacante concedeu entrevista onde elogiou a equipe, comemorou a passagem para as quartas e minimizou o fato de ser chamado de 'herói' do confronto: "Agora é só alegria e festa! Em seguida, retornar a concentração, assim que o treinador solicitar; eu não sou um herói, somos 23 heróis" ressaltou. 

Autor do primeiro gol, o meia-atacante Kevin De Bruyne afirmou que a Bélgica evoluiu com relação as três partidas anteriores e que espera manter o ritmo contra a Argentina: "Hoje nós jogamos a melhor partida das quatro. Agora a intenção é fazer o mesmo contra a Argentina. De qualquer forma, será uma partida agradável de assistir" disse.

Van Buyten também comentou sobre a vitória belga e a classificou como 'merecida'. O experiente zagueiro projetou uma boa partida contra a Argentina afirmando que a sua equipe está focada em ir mais longe no Mundial: "Acreditamos até o fim. Foi uma partida disputada, com diversas chances criadas, principalmente por nós. Acho que ganhamos merecidamente; a Suíça fez um bom jogo contra a Argentina e poderiam ter passado. Qualquer equipe que chega às quartas pode ir mais longe e queremos dar continuidade ao nosso sonho" concluiu. 

Bélgica e Argentina se enfrentam no sábado (05) pelas quartas-de-final da Copa do Mundo. A partida será realizada no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. Quem vencer enfrenta Holanda ou Costa Rica nas semifinais.

VAVEL Logo