Superior do começo ao fim, Borussia Dortmund bate Bayern e conquista DFL Super Cup

Abrindo a temporada alemã de futebol, o Borussia Dortmund recebeu o Bayern de Munique em seu estádio para a disputa da DFL Super Cup. As equipes, que vem sendo as principais campeãs dos últimos anos no país, se enfrentaram pelo terceiro ano seguido na disputa pelo título e como na última temporada, o Borussia Dortmund saiu vencedor e se sagrou campeão com gols de Mkhitaryan e Aubameyang.

O clube da casa dominou a partida do começo ao fim, controlando o adversário no primeiro tempo e sendo mais objetivo em suas jogadas, marcando seu primeiro gol da partida em uma rápida jogada de contra-ataque. Com a vantagem no segundo tempo, os aurinegros mostraram superioridade na segunda parcial, marcaram mais um gol e foram campeões da DFL. Este é o sexto título da DFL Super Cup conquistado pelo Borussia Dortmund, o quarto diante do Bayern de Munique (1989, 2008 e 2013). A conquista fez com que o time de Dortmund se tornasse o maior vencedor da competição, um título à frente dos bávaros.

Borussia Dortmund é mais objetivo e sai na frente

Mesmo tendo a maioria da torcida à seu favor e jogando dentro de seu estádio, o Borussia Dortmund iniciou a partida vendo os visitantes comandarem as ações. Com a característica de valorizar a posse de bola, os bávaros trocavam passes e mantinham o controle do jogo, porém via a equipe da casa sair com velocidade em contra-ataques ao recuperar a bola. As rápidas jogadas pelas laterais do campo surgiram das duas equipes, que com Aubameyang e Shaqiri, chegavam ao ataque , mesmo sem objetividade e parando no sistema defensivo do adversário.

A primeira chance de perigo surgiu com uma falha da defesa do Bayern de Munique, após Javi Martínez recuar mal para Neuer e obrigar o goleiro a tirar a bola na linha do gol. O desentendimento da zaga da equipe visitante animou os aurinegros, que logo após recuperar a bola no campo de ataque, viu Neuer salvar novamente a chance de gol, desta vez em chute de Kirch. O Bayern respondeu com uma boa jogada de Shaqiri, que driblou os marcadores e chutou para o gol, onde Langerak defendeu com tranquilidade. Em uma saída de bola mal aproveitada do Bayern, Piszczek encontrou Mkhitaryan, que passou para Aubameyang na entrada da área, onde a defesa afastou e viu a bola sobrar nos pés do camisa 10 do Borussia Dortmund, que fuzilou o gol de Neuer e abriu o placar da DFL.

Mesmo correndo atrás do placar, o Bayern parava na forte marcação dos aurinegros, que pressionavam desde a saída de bola e obrigavam os adversários a usar lançamentos encontrando Shaqiri e Lewandowski, que se mantinham mais adiantados. Após lançamento na área defensiva da equipe da casa, Martínez caiu no gramado e precisou ser substituído, dando lugar ao brasileiro Dante. A vantagem no placar fez o time da casa consolidar a superioridade dentro de campo, finalizando mais que os bávaros e tendo chances reais de aumentar o placar, parando nas boas defesas de Neuer e terminando o primeiro tempo com a mínima vantagem.

Dortmund segue superior, aumenta vantagem e conquista título

Logo no início da segunda etapa, Guardiola sacou Müller e optou pela entrada de Phillip Lahm, avançando Rode e visando um maior número de passes com o capitão pelo meio de campo. Mesmo fazendo a alteração em sua equipe, Guardiola viu o time adversário dominar novamente os bávaros e comandar o jogo, atacando com perigo e mostrando solidez em sua defesa, travando todas as chances dos visitantes. Aos 13 minutos do segundo tempo, Mário Götze entrou em campo no lugar de Hojbjerg debaixo de vaias da maioria do estádio que um dia teve o camisa 19 como jogador.

Com a posse de bola na intermediária do campo, Aubameyang e Piszczek trocaram passes e o polonês cruzou na medida para o camisa 17 aparecer dentro da pequena área e cabecear para as redes, aumentando a vantagem da equipe aurinegra e consolidando a ótima atuação de Aubameyang, que logo após o gol foi substituído por Adrián Ramos. Superior no placar e na organização, o time da casa continuou pressionando os bávaros na saída de bola e não permitiam qualquer reação dos atuais campeões da Bundesliga, que pouco faziam quando trabalhavam com seus jogadores de ataque e se viam apertados nas jogadas de contra-ataque da equipe de Dortmund, cometendo faltas duras.

Sem conseguir chegar com perigo ao gol do Borussia Dortmund, os jogadores do Bayern de Munique diminuíram a intensidade do jogo e trocavam passes, priorizando a posse te bola e esperando o momento certo para tentar alguma chance de gol. Já os aurinegros, continuavam criando chances de ataque e com velocidade pelas laterais administraram a vitória e conquistaram o título da DFL Super Cup.

VAVEL Logo