Resultado do jogo San Lorenzo x Nacional  na Copa Libertadores 2014
Jogo San Lorenzo x Nacional
Live LoaderVAVEL Live SmallLive Match

23:15 Nós, vamos ficando por aqui! Obrigado por acompanhar a Copa Libertadores conosco! O San Lorenzo se sagrou campeão, e você ficou sabendo tudo da competição na VAVEL Brasil! Continue no site, para ler toda a repercussão da partida! Abraços!

23:12 O palco está sendo montado para levantar a taça.

23:08 Com 106 anos, o San Lorenzo conquista sua primeira Copa Libertadores. Que festa no Nuevo Gasómetro!

49' FIM DE JOGO! O SAN LORENZO ESTÁ LIBERTADO! O SAN LORENZO É CAMPEÃO DA COPA LIBERTADORES 2014, PELA PRIMEIRA VEZ!

47' Cartão amarelo para Mendoza! Jogo parado, que é bom para o San Lorenzo.

45' Quatro minutos de acréscimo!

43' Cruzamento na área e a zaga do Ciclón tira.

43' VAI BOLA PRA ÁREA! NACIONAL PRESSIONA!

42' Sai Romagnoli e entra Kannemann no San Lorenzo.

40' No Nacional, sai Benitez e entra Santa Cruz.

39' Mudança no Ciclón: sai Villalba e entra Kalinski.

37' Nacional agora é todo ataque. San Lorenzo se fecha esperando um contra-ataque.

33' Jogo parado por conta de sinalizadores no estádio.

32' UUUUUUUUUUUUUUUH! A grande chance do Nacional aconteceu com Bareiro. Após bola sobrada, ele, na marca do pênalti, ficou com a bola no pé. Chutou e desviou no zagueiro, indo para fora.

30' Chegamos aos 15 minutos finais da partida! Falta pouco!

27' Villalba colocou muita velocidade, driblou o zagueiro, invadiu a área e chutou de direita. A bola passou perto do gol.

26' LEVANTA! Bareiro recebeu dentro da área e caiu. O árbitro mandou seguir e não marcou absolutamente nada.

24' Falta dura de Benitez em Romagnoli, sendo punido com o cartão amarelo!

21' Contra-ataque rápido do Ciclón, mas Veron, dentro da área, ficou cercado por dois e não conseguiu o chute muito menos o drible. Perdeu a bola.

20' No San Loré, sai Cauteruccio e entra Veron.

18' Romagnoli cruzou na área e a bola cruzou toda área, e ninguém desviou.

17' Cera! Gandula demora para colocar a pelota em jogo e árbitro expulsa um.

16' Riveros cruzou para Bareiro, que não conseguiu cabecear a bola com força, deixando ela sair pela linha de fundo.

14' Partida continua fraca, sem grandes chances para os times. Torcida do Ciclón canta muito forte.

11' No Nacional, sai Orué e entra Montenegro.

10' Más avançou pela esquerda, cruzou Matos cabeceou completamente errado, nas mãos de Don.

8' Villalba ficou mano-a-mano com Piris e tentou o drible, mas o capitão foi bem e tirou a bola dos pés do atacante, não deixando o mesmo invadir a área.

7' Romagnoli faz grande jogada, rola para Cauteruccio que, dentro da área, tentou o drible, mas a zaga afastou.

6' Começa fraco a segunda etapa. Ciclón tenta ficar com a posse de bola dominar o jogo, e consegue várias vezes.

4' San Lorenzo toca a bola e Nacional marca a saída de bola, tentando roubar a pelota e sair em direção ao gol.

1' Romagnoli chegou pela direita, cortou para o meio e tentou o passe para Matos, mas a jogada foi interceptada.

0' Começa os últimos 45 minutos da Libertadores!

22:16 As duas equipes estão de volta para a segunda etapa, que já vai começar. !

LEIA MAIS: Análise Tática: San Lorenzo e Nacional

LEIA MAIS: Palco da final é a segunda casa do San Lorenzo, que não vê a hora de voltar para Boedo

22:05 Primeiro tempo de um Nacional melhor, chegando com mais perigo ao ataque. O San Lorenzo, apesar de jogar em casa, ficou nervoso e não conseguiu criar. No entanto, o gol de pênalti deixou o Ciclón tranquilo para jogar a segunda etapa.

45+1' Final da primeira etapa! Com gol de Ortigoza de pênalti, o San Lorenzo vai para os vestiários com 1 a 0 no placar.

45+1' Torales chutou de fora da área e a bola, de novo, passou perto do gol. Nacional assusta no final do primeiro tempo.

45' Um minuto de acréscimo!

43' UUUUUUUUUH! Benitez driblou Ortigoza e chutou de fora da área, colocada. Torrico, arqueiro do Ciclón, só olhou a bola passando muito perto do gol.

42' Torcida do San Lorenzo em chamas. Canta muito para apoiar a sua equipe, que vence por 1 a 0.

39' Villalba avançou pela direita, cruzou na área e Matos, de cabeça, tentou o gol, mas o zagueiro subiu primeiro e jogou para fora.

37' Agora, o Nacional precisa de um gol para levar a decisão para os pênaltis. Com este resultado o Ciclón vai conquistando sua primeira Libertadores.

36' GOL DO SAN LORENZO! Ortigoza cobrou o pênalti com perfeição no cantinho do goleiro, que foi para o lado contrário. Explosão no estádio.

35' GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL DO SAAAAAAAAAAAAAAAN LOREEEEEEENZO! ORTIGOZA!

34' PÊNALTI! Após escanteio cobrado, o chute foi na mão de Coronel. Sandro Meira Ricci marcou pênalti para o San Lorenzo!

33' QUASE! Melgarejo chegou pelo lado direito, cruzou na área e a zaga afastou mal, deixando a pelota andando pela área. No entanto, logo ela foi afastada.

32' Cauteruccio foi lançado e o bandeirinha levantou a bandeira e marcou impedimento. Jogo parado.

31' Cartão amarelo para Mercier! Por falta em Torales.

30' Com este resultado até aqui, a decisão do campeão da competição está indo para os pênaltis. Quem vencer, leva. Qualquer empate, pênaltis.

29' Riveros cobra a falta para dentro da área, mas Sandro Meira Ricci marcou a falta. Bola para o San Lorenzo.

28' Jogadores do San Lorenzo parecem muito nervosos. Estão sentindo demais jogar uma final.

27' LEVANTA! Bareiro driblou, invadiu a área e caiu, pedindo pênalti. Sandro Meira Ricci mandou seguir.

26' IMPEDIDO! Romagnoli fez boa jogada, rolou para Villalba que poderia abrir o placar, mas estava em posição irregular.

25' Bareiro entrou dentro da área e só foi parado pelo defensor do Ciclón, que chegou afastando o perigo da zaga.

24' Partida é bastante brigada neste primeiro tempo, digna de final de Libertadores.

21' Após as boas chegadas do Nacional, o San Lorenzo tenta ficar com a bola no pé e deixar o jogo morno novamente.

19' Barejo avançou no contra-ataque e tentou o cruzamento para Orué, mas antes aconteceu o corte.

18' Momento agora é do Nacional. Percebendo isso, torcida do Ciclón canta ainda mais forte para ajudar a equipe em momento complicado no jogo.

17' UUUUUUUUUUUUH! Torales chuta de longe e a bola passa muito perto do gol defendido por Torrico. Nacional chegou bem!

16' Cruzamento na área e a bola passou por todo mundo, saindo pela linha lateral.

15' FALTA PERIGOSA! A pelota bateu na mão do jogador do Nacional. Bola na área do time paraguaio!

14' Bareiro cruzou na área, Mendoza tentou de cabeça e Torrico saiu abafando. Apesar do lance, o bandeirinha havia marcado impedimento e parado a jogada.

13' Benitez sofreu falta pela esquerda. Vai bola para a área e Nacional vai levar perigo. Torrico preocupado.

12' No cruzamento, Romagnoli acerta o único jogador que estava na barreira.

11' Romagnoli arrancou pela esquerda e sofreu a falta.

10' PRA FORA! Mercier roubou a bola, tocou para Buffarini que driblou o marcador e, de fora da área, chutou forte, por cima. Tiro de meta.

9' Como é normal na Argentina, torcida do San Lorenzo canta muito forte.

8' Villalba foi pra cima, conseguiu dois bons dribles, mas na hora de passar por outro marcador foi interceptado e perdeu a pelota.

7' Matos tentou chegar pelo lado esquerdo, mas quando tentou o drible foi desarmado e fez falta.

5' Agora, todo time do Nacional está atrás da linha do meio-campo olhando o Ciclón tocar a pelota, ainda sem nenhum objetivo.

4' Clube da casa claramente quer tomar a atitude do jogo e tem a posse da bola, tocando-a de um lado para o outro.

2' San Lorenzo tenta ficar com a bola no pé, e o Nacional não se fecha, conseguindo complicar o adversário na marcação da saída de bola.

1' UUUUUUUUUUUUH! Na primeira jogada do jogo, Mercier perdeu a bola no meio-campo, o Nacional saiu rápido, chegou dentro da área e, na sobra, Orué chutou a bola e ela bateu na trave! Quase!

0' Começa a grande final da Copa Libertadores da América 2014! San Lorenzo e Nacional disputam um título inédito!

21:06 As duas equipes entram juntas no gramado! Festa incrível da hinchada do Ciclón, com sinalizadores, papel picado e muito papel higiênico. É clima de Libertadores!

21:05 Cerimônia de encerramento neste momento. Bandeira do Nacional de um lado e do San Lorenzo do outro. A torcida do time da casa sobe mosaico escrito "La Gloria".

21:03 A taça da Libertadores já está no gramado do Nuevo Gasómetro.

21:00 Canta forte demais a torcida do San Lorenzo. Clima de decisão na Argentina e na América.

20:52 Nacional confirmado! Ignacio Don, Coronel, Raúl Piris, Cáceres e Mendoza; Melgarejo, Riveros, Torales e Derlis Orué; Fredy Bareiro e Julián Benítez

20:47 Nuevo Gasómetro já está completamente lotado. Torcida do Ciclón na expectativa para ver seu time campeão. Porém, tem um forte time do outro lado. É jogo grande.

20:41 O Nacional ainda não está confirmado.

20:39 San Lorenzo confirmado para a partida! Torrico; Buffarini, Cetto, Gentiletti, Mas; Villalba, Mercier, Ortigoza, Romagnoli; Cauteruccio e Matos.

19:40 Este é o caldeirão que o Nacional terá que enfrentar. O Nuevo Gasómetro, casa do San Lorenzo, tem capacidade para 40 mil pessoas e os ingressos já estão todos vendidos. Casa lotada para ver a final da Copa Libertadores 2014.

19:36 Julián, atacante do Nacional, com certeza deixou os seus torcedores otimistas depois das declarações que deu na chegada à Argentina: "Fomos surpreendidos na partida de ida, e não nos conformamos. Temos vontade, vamos deixar tudo no campo, vamos deixar a vida por cada bola", declarou.

19:35 Riveros voltará ao time titular na grande final. Segundo ele, apesar do Nacional jogar fora, o título da Libertadores é possível: "Nós iremos com a esperança de ganhar a Copa Libertadores. Sabemos que de visitante é mais complicado, mas também sabemos que o confronto está como começou", disse.

19:25 Romagnoli, meio-campo do San Lorenzo. Ele é ídolo da torcida do Ciclón. Bastante identificado com a hinchada, Romagnoli é um dos jogadores de confiança do técnico Edgardo Bauza. O jogador está se despedindo de Boedo, pois se apresentará ao Bahia após o fim da Libertadores.

19:23 FIQUE DE OLHO: Orué, meio-campo do Nacional. O jogador é um dos destaques do bom time do Paraguai. Orué tem três gols na competição, um deles decisivo, diante do Defensor, na primeira partida da semifinal. É uma das grandes esperanças para levantar a taça.

19:20 Bauza terá dois desfalques para a grande final da Libertadores. Piatti, por contrato com a MLS, e Correa, que sofreu uma cirurgia. Sobre isso, o técnico disse: "Eu imaginava chegar à final com com Angelito (Correa) e Nacho (Piatti). Nos ajudaram muito, e sabemos que estarão torcendo bastante por nós", comentou.

19:16 A final de uma Libertadores contagia qualquer um. Porém, contagia ainda mais quando se tem uma hinchada gigantesca e apaixonada. Sobre isso, Edgardo Bauza disse: "Os torcedores vem manifestando esta loucura desde que começou a Libertadores. Isso é muito bom, porque todos nós sentimos esta energia", declarou.

19:15 Após uma verdadeira saga para chegarem à final, eles se enfrentaram na última quarta-feira (6), no Paraguai. Matos abriu o placar para o San Loré, e Santa Cruz empatou para o Nacional, deixando a disputa pela taça em aberto.

19:11 Quando o Nacional pisou no Defensores Del Chaco para enfrentar o Defensor pela semifinal da Libertadores, ninguém mais ousava a duvidar do que o time poderia fazer. Todos que assistiram e viveram este momento poderá contar para filhos, netos, sobrinhos, amigos. O Nacional dentre os 4 melhores da América. Foi então que, querendo chegar mais longe, o Nacional foi para cima jogando dentro de casa, e venceu: 2 a 0. Aí, no lendário Centenário, derrota por apenas 1 a 0 e vaga na final!

19:10 Quando o árbitro apitou o final do jogo em Sarandí, na Argentina, a história estava sendo feita: Nacional na semifinal da Copa Libertadores da América. Antes disso, no Paraguai, em sua casa, o Tricolor venceu o Arsenal por 1 a 0, ficando perto da vaga. Na Argentina, empate em 0 a 0. Semifinalista!

19:07 Passar da fase de grupos já havia sido um feito histórico e que ficaria na memória de qualquer torcedor do Nacional. Porém, sempre fica uma ponta de "quero mais" e de que "tem como chegar mais longe." Mas, quando conheceu o adversário das oitavas, o desânimo bateu: era o tradicional - e campeão da Libertadores - Vélez. Só que quando o confronto começou a ser decidido tudo isso mudou. Na primeira partida, no Paraguai, o Nacional venceu por 1 a 0. Já na volta, uma verdadeira batalha em Liniers. O jogaço terminou em 2 a 2, e o Tricolor fez história, avançando às quartas.

19:06 Nacional do Paraguai. Quando começa uma Copa Libertadores, ninguém imagina que o modesto time chegara em uma final - ou até em uma oitavas de final. Pois bem, integrando o grupo 4 da competição, ao lado de Atlético-MG, Zamora e Santa Fé, o Tricolor paraguaio passou em segundo lugar, com 8 pontos. Foram duas vitórias, dois empates e duas derrotas.

19:05 Semifinal de Copa Libertadores é necessário atenção. Quando joga dentro de casa, é necessário jogar bem e vencer. E, esses dois quesitos, o San Lorenzo dominou. Enfrentando o bom time do Bolívar, o Ciclón fez o seu primeiro jogo dentro de casa, mais uma vez. No Nuevo Gasómetro lotado, o resultado que nem o mais otimista torcedor esperava: 5 a 0. Era a classificação praticamente garantida. Na Bolívia, o resultado de 1 a 0 contra não impediu a festa dos jogadores argentinos. Era o San Loré na final!

19:04 A tarefa era ainda mais difícil. Pela frente, o atual campeão brasileiro, o poderoso Cruzeiro. A partida de ida, mais uma vez, foi no Nuevo Gasómetro. De novo pelo placar mínimo, com Gentiletti marcando de cabeça, o San Lorenzo veio para o Brasil com o regulamento de baixo do braço para avançar à tão sonhada semifinal da Libertadores. Jogando no Mineirão lotado, Piatti, no começo de jogo, abriu o placar. No segundo tempo, Bruno Rodrigo até diminuiu, mas não conseguiu evitar a classificação do Ciclón à próxima fase.

19:02 Após sofrer muito na fase de grupos, era hora de enfrentar outro brasileiro: o Grêmio. Jogo grande, complicado, diante de um time bi-campeão da Copa Libertadores. Na ida, na Argentina, Correa fez o gol da vitória do Ciclón, deixando os cuervos com um pé nas quartas da competição. Porém, quando se trata de San Lorenzo, tudo pode acontecer. Na Arena do Grêmio, o time argentino parecia que conseguiria a classificação. No entanto, aos 38 minutos, Dudu abriu o placar, levando a partida para os pênaltis. Lá, a classificação tão esperada veio.

19:01 O San Lorenzo tem o mando de campo e terá grande vantagem nesta final. O clube de Boedo chegou até este dia com muita raça, vontade e suor. Na primeira fase, os argentinos integraram o grupo 2 da competição, ao lado de Unión Española, Independiente Del Valle e Botafogo. Com 8 pontos, a classificação veio com muito sofrimento, no último jogo, diante do Fogão. Foram duas vitórias, dois empates e duas derrotas.

19:00 Muito boa noite, leitor que navega na VAVEL Brasil! Você acompanha, a partir de agora, a grande final da Copa Libertadores 2014, entre San Lorenzo x Nacional. A partida acontece no Nuevo Gasómetro, na Argentina, às 21h15.

VAVEL Logo