Prestes a se aposentar, De Sanctis mira objetivo: "Antes quero conquistar o Scudetto"

Morgan De Sanctis, segundo goleiro menos vazado da Serie A 2013/14, voltou a treinar no campo nesta terça-feira (12), 82 dias depois de sua operação. Aos 37 anos, o camisa 26 da Roma declarou aos jornalistas que a Roma pode vencer o Scudetto e, caso isso aconteça, pode se aposentar. "Para jogadores que tem uma certa idade, como eu e [Francesco] Totti, espero que este seja o ano certo. Não quero jogar até os 50 anos, posso até me aposentar no final desta temporada", declarou o jogador.

De Sanctis disputou seis jogos pela Seleção Italiana e, logo em sua estreia como profissional, no Pescara, defendeu um pênalti de Christian Vieri.  Na Copa do Mundo de 2006 foi um dos quatro jogadores de back-up para o plantel principal da Azzurra, em caso de uma lesão de Buffon, Peruzzi ou Amelia. Sob o comando do técnico Cesare Prandelli não foi muito aproveitado, tornando-se reserva de Buffon na Euro de 2012.  

Se transferiu para a Roma em julho de 2013 e teve um perfeito início de Serie A, ficando nove jogos sem levar gols, e foi peça fundamental no vice-campeonato giallorossi"Se assim for [sua última temporada], espero joga-la com a maior emoção de todas, ganhando algo importante. Essa Roma construída para isso, na esperança de não encontrar uma Juventus com 102 pontos", disse o atleta italiano.

VAVEL Logo