Villarreal passa fácil pelo Astana no jogo ida dos playoffs da Europa League

Na Astana Arena, no Cazaquistão, o FC Astana recebeu os espanhóis do Villarreal pela partida de ida dos playoffs da Uefa Europa League, última etapa antes da fase de grupos. O placar da partida foi de 3 a 0 para os espanhóis, que foram às redes com Cani, Giovani dos Santos e Mario Gaspar. Com esse resultado, o Villarreal pode perder até por dois gols de diferença em casa que se garante na fase de grupos da competição.

Antes dessa fase, o clube do Cazaquistão eliminou os suecos do AIK pelo placar de 4 a 1 no agregado. O Villarreal entrou diretamente no estágio de playoffs.

O jogo de volta será no próximo dia 28, quinta-feira, no estádio El Madrigal, na Espanha. Antes disso, o clube espanhol estreia em La Liga contra o Levante no próximo domingo (24), fora de casa. Já o Astana enfrenta o Kairat Almaty também no próximo domingo, em casa, pelo campeonato cazaque.

O Astana não exigiu muitos reforços do clube espanhol, que desde o começo da partida estava se impondo, tentando fazer o resultado o mais rápido possível, para que não tivesse problemas no jogo de volta na Espanha.

O primeiro tempo foi de muita marcação e com muito toque de bola, com o clube do Cazaquistão se preocupando muito em não tomar gols em casa e arranjar um gol num contra-ataque para levar um bom resultado para a Espanha, mas isso durou apenas 33 minutos, quando, após ótima jogada de Cani, o meia abriu para Giovani Dos Santos, que cruzou. A zaga tirou mal e, de primeira, o próprio Cani fez Villarreal 1 a 0. O Astana ainda tentou algumas investidas no final do primeiro tempo com o meia Foxi, mas sem sucesso.

O segundo tempo foi bem mais movimentado que o primeiro, muito por conta do fato de o time cazaque precisar marcar pelo menos um gol, para tentar diminuir a diferença. Mas as tentativas do Astana foram em vão.

Logo no começo do segundo tempo, Bruno Soriano deu um lindo passe em profundidade para Jaume, que saiu do marcador, entrou na área, cruzou rasteiro e, após um pequeno bate rebate na pequena área, a bola sobrou para Giovani Dos Santos. Ele deu um lindo toque de cobertura para aumentar a vantagem do “Submarino Amarelo”.

Tudo piorou para o Astana aos 15 minutos, quando o defensor Mario Anicic recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso, deixando a equipe com um a menos. Com a peleja controlada, o Villarreal foi levando o jogo com muita calma, e fechou a conta aos 39 minutos: depois de uma boa troca de passes, a bola chegou no lateral Mario Gaspar. O defensor bateu cruzado e garantiu um ótimo resultado ao clube espanhol.

VAVEL Logo