Higuain perde pênalti e Napoli é derrotado pelo Chievo

Neste domingo (14), o Napoli foi derrotado pelo Chievo no estádio San Paolo, pela 2ª rodada da Serie A, por 1 a 0, com gol de Maxi López. O jogo teve como destaque o goleiro Bardi, que defendeu um pênalti cobrado por Higuaín e fez grandes defesas que garantiram a vitória do Chievo.

O resultado deixou ambos no meio da tabela, com o Napoli na 8ª posição e o Chievo na 10ª posição, ambos com 3 pontos ganhos, por terem uma vitória cada no campeonato.

Pelo nacional, ambos voltarão a campo no próximo domingo (21). O Napoli enfrentará a Udinese fora de casa, já o Chievo jogará em casa contra o Parma. Durante a semana, o Napoli ainda jogará pela Uefa Europa League contra o Sparta Praga, no estádio San Paolo.

Bardi segura o Napoli no primeiro tempo

O primeiro tempo começou equilibrado nos primeiros dez minutos. O primeiro bom lance veio após lançamento de Insigne para Higuaín, que cabeceou para a defesa do goleiro Bardi. Em seguida, Hamsik chutou de fora da área para boa defesa do arqueiro.

Aos 18 minutos, o Chievo chega a marcar, mas Maxi López, que deu o passe para marcar, estava em posição de impedimento assinalada pelo auxiliar. Aos 25 minutos, Frey derrubou Higuaín na área e o árbitro assinalou pênalti. Na cobrança, o argentino bateu para a grande defesa do camisa 1, que acertou o canto e colocou a bola pra escanteio.

O pênalti perdido abalou os visitantes e animou os mandantes, que passaram a atacar mais. Em um dos lances, Maxi López colocou bola na trave, após receber cruzamento na pequena área napolitana. Pouco depois, após receber bom lançamento, Insigne toca de primeira para grande defesa de Bardi.

O Napoli chegava com dificuldade e na reta final teve nova chance com Higuaín, que chutou no alto do gol, mas esbarrou no goleiro do time de Verona, que segurou o empate até o final da primeira etapa.

Napoli não aproveita chances e é castigado com gol de Maxi López

O segundo tempo começou da mesma maneira que o primeiro, equilibrado nas ações das duas equipes. Logo no início, Zúniga chutou forte de fora da área, a bola foi no ângulo e o arqueiro fez mais uma defesa. No contra-ataque, o Chievo marcou. Após troca de passes, Maxi López recebeu entre os zagueiros do Napoli e tocou na saída de Rafael para marcar.

O gol fez o Napoli sentir o golpe, tanto que só voltou a atacar aos 20 minutos, quando Hamsik chutou da entrada da área e o goleiro novamente fez grande interceptação. Pouco depois, Inler chutou de fora da área e outra vez Bardi evitou. Dando sequência a blitz, Higuaín arriscou de longe e parou no camisa 1. O Napoli chegava, mas esbarrava na defesa veronesa.

Nos minutos finais, Zapata teve chance de cabeça, mas foi defendida tranquilamente por Bardi. Ao final de jogo, a irritação era evidente nos torcedores do Napoli que estavam no San Paolo e vaiaram muito a equipe napolitana. 

VAVEL Logo