Em jogo emocionante, Jagielka marca no fim e impede derrota do Everton contra o Liverpool
Foto: Divulgação/Everton

Abrindo a sexta rodada da Premier League, Liverpool e Everton fizeram o Merseyside Derby em Anfield neste sábado (27). Em um jogo muito pegado e com as duas equipes desesperadas por vitórias, a partida terminou empata em 1 a 1, com um gol de Steven Gerrard, seu décimo em clássicos contra os Toffes, e Jagielka, nos acréscimos, evitou a derrota do Everton. 

Com a empate, o Liverpool chegou aos sete pontos na Premier League e fica coma décima colocação da tabela, com apenas duas vitórias conquistadoa até o momento. O próximo compromisso da equipe de Brendan Rodgers será contra o Basel, na próxima quarta-feira (1). Pela liga nacional, o confronto será contra o West Bromwich, no próximo sábado (4). Com várias novidades, a equipe ainda busca um melhor futebol na temporada, para que possa brigar no topo da tabela. 

O Everton continua sem vencer em Anfield, a última vitória da equipe foi há exatos 15 anos. Os Toffes procuram uma melhor posição na tabela, e com o empate, são apenas seis pontos conquistados até o momento e fica na décima segunda colocação do campeonato. O próximo compromisso da equipe é contra o FK Krasnodar, pela Europa League. Na Premier League, os Toffes enfrentam o Manchester United em Old Trafford no dia 4.

Equipes fazem um primeiro tempo equilibrado, mas não tiram o zero do placar

O jogo teve um início bastante equilibrado, as equipes buscavam o ataque de forma veloz. O Liverpool se portou melhor nos primeiros minutos e criava as melhores chances de gol, enquanto o Everton buscava abrir o placar no contra-ataque. A partida foi muito pegada durante o primeiro tempo, com muitas faltas cometidas.

O técnico Roberto Martínez teve uma grande preocupação: Mirallas, em um lance de velocidade, sentiu a coxa e não conseguiu continuar na partida. Em seu lugar, McGeady entrou na equipe, na tentativa de reforçar a marcação.

Na partida ofensiva, o Liverpool sofria na hora do último passe e não achava grandes finalizações. O Everton também tentava passes longos e chutes de fora da área. Henderson e Lallana se destacavam pelos Reds e faziam um bom trabalho na partida. A grande chance foi criada aos 43 minutos, quando Barry errou na saída de bola e entregou nos pés de Henderson, que ligou rapidamente em Sterling, o jovem do Liverpool finalizou e Howard conseguiu fazer a defesa. 

As equipes não conseguiram abrir o placar no primeiro tempo, apesar de muita agressividade e boas chances criadas, os times pecavam na finalização e tinham muitas dificuldades para bater os goleiros. 

Capitães marcam e jogo termina em empate

A partida ficou mais morna no segundo tempo, as equipes trocavam muito passes e agrediam pouco. Brendan Rodgers procurou solucionar o problema dos Reds colocando Coutinho no lugar de Markovic, na tentativa de organizar o meio-campo.

O Liverpool recebeu uma falta e Steven Gerrard decidiu cobrar, aos 65 minutos, o capitão cobrou uma falta com perfeição e abriu o placar em Anfield. Com o gol, os Reds partiram pra cima com tudo, e em uma jogada de velocidade de Raheem Sterling, Mario Balotelli mandou a bola no travessão e quase ampliou o placar. A partida permaneceu equilibrado durante a metade da segunda etapa e os dois times criavam chances. 

Roberto Martínez tentou buscar a solução com Samuel Eto'o nos últimos dez minutos, no lugar de Besic. No final da partida, o Everton foi completamente para o ataque na tentativa de empatar o jogo. O Liverpool se portava com cautela e tentava segurar o resultado. 

Nos acréscimos, a grande surpresa do jogo: em uma bola afastada, a bola sobrou na entrada da área, Jagielka acertou um lindo chute e acertou o ângulo do goleiro Mignolet, sem dar chances ao belga. O Everton ainda teve uma boa chance com uma cobrança de falta no último minuto, mas não conseguiu reverter em gol e a partida acabou com o empate.

VAVEL Logo