Lyon enfrenta Stade de Reims em partida que marca reencontro entre Fournier e sua antiga equipe

No encerramento da 34ª rodada da Ligue 1, a equipe do Stade de Reims recebe o Olympique Lyonnais para marcar o reencontro de Hubert Fournier com a sua ex-equipe. Fournier foi treinador do Reims de 2010 até a temporada passada e fez com que a equipe retornasse a disputar a Ligue 1 após 33 anos de ausência. Após 2014, Fournier deixou o time que foi seis vezes campeão da França e bastante vitoriosa na década de 50 e 60 para assumir o comando do Lyon, onde teve uma passagem como jogador.

Enquanto o Lyon foi o clube mais bem sucedido na França nos anos 2000, o Stade de Reims enfrentou dificuldades financeiras, chegando a decretar falência e disputar as divisões amadoras da França, até se reerguer nos últimos anos. Antes grande, a equipe do Reims agora é uma das equipes mais modestas da elite do futebol francês e na atual temporada luta para não cair para a segunda divisão.

O retrospecto recente do Reims não é dos melhores e antes de vencer o Bastia na última rodada, a equipe do nordeste da França sofreu quatro derrotas em quatro jogos, o que causou a demissão de Jean-Luc Vasseur no início do mês de abril. Olivier Guégan, ex-jogador da equipe, assumiu interinamente o comando e tentará salvar o time da queda. Por outro lado, o Lyon está na luta pelo título da Ligue 1 e precisa vencer o Reims para seguir como primeiro colocado, já que o PSG bateu o Lille por 6 a 1 no último sábado (25) e assumiu a liderança.

Guégan lembra da parceria com Fournier e quer explorar falhas do Lyon para vencer

Olivier Guégan trabalha na comissão técnica do Stade de Reims desde 2010, após se aposentar no próprio clube. Em 2011, Guégan foi auxiliar de Hubert Fournier e lembrou dos tempos em que trabalhou com o atual treinador do Lyon. "Com Hubert, tudo correu muito bem. Tivemos uma grande experiência no geral, o clube foi levado até a Ligue 1 e foi bastante positivo", disse.

Para o confronto de logo mais, Guégan disse para a imprensa que está preparado para ver a sua equipe sofrer e quer explorar as brechas que serão deixadas pelo adversário. "Vocês sabem que o Lyon é o melhor time da Ligue 1. Então, o jogo será duro e esperamos sofrer, é claro. Por outro lado, eles possuem falhas. Temos que estar prontos para lutar, para defender e para sofrer em cada investida deles. Atrás, existirão oportunidades, espaços. Trabalhamos nisso durante a semana, vamos explorar bem isso", disse sobre o adversário.

Olivier Guégan terá três desfalques para a partida frente ao Lyon. Franck Signorino está recuperando a forma física, Chris Mavinga tem problemas no tornozelo da perna esquerda e Anthony Weber sofreu um toque na coxa.

Confira os relacionados do Stade de Reims: Agassa, Placide; Conté, Fofana, Mandi, Roberge, Tacalfred; Albaek, Devaux, Fortes, Mfulu, Oniangué, Peuget, Diego; Charbonnier, De Préville, Ngog, Moukandjo

Fournier sente o peso de comandar o Lyon e relembra dos tempos de Reims

A partida da 34ª rodada será a primeira vez de Hubert Fournier na cidade de Reims como vistante. Após comandar o clube por cinco temporadas, sendo uma como auxiliar e quatro como treinador, Fournier lembra dos tempos que comandou o seu adversário deste domingo. "Chega a ser engraçado, eu passei cinco anos muito bons lá. Vivemos dois grandes momentos nesse período e vou reencontrar com o pessoal que adorei trabalhar", declarou.

Sobre o ambiente para a partida, Fournier disse que conhece a situação do Reims. "Eles estarão na pele de quem quer superar um dos melhores times da liga e são capazes disso. Isso foi realizado nos anos anteriores, quando fui treinador e vejo que 90% da força de trabalho continua lá. A vitória contra o Bastia caiu num bom momento para eles, vai deixá-los mais relaxados", disse.

Após comandar um clube de menor expressão, devido ao passado recente do Reims, Fournier foi perguntado sobre qual foi a sua maior descoberta como treinador na atual da temporada. "A mídia, o peso que o clube tem na imprensa e todos os rumores que cercam o clube. Mas eu sabia que vindo para Lyon, a exposição do clube não era como a do Reims".

Dois jogadores serão desfalques na equipe do Lyon neste domingo. Milan Bisevac operou o joelho e está de fora até o fim da temporada, enquanto Yoann Gourcuff segue em recuperação de uma lesão na coxa.

Confira os relacionados do Lyon: Lopes, Gorgelin; Dabo, Bedimo, Umtiti, Jallet, Koné; Gonalons, Tolisso, Fofana, Ferri, Malbranque, Grenier; Cornet, Yattara, Fekir, Njie, Lacazette

VAVEL Logo