Fiorentina quebra sequência de derrotas consecutivas ante Cesena e volta à zona de Europa League

Após quatro derrotas seguidas na Serie A, a Fiorentina bateu o Cesena por 3 a 1 e retornou à quinta colocação, que dá vaga à Europa League. Ilicic, duas vezes, e Gilardino marcaram para a Viola e Rodríguez fez para os visitantes, que estam em penúltimo lugar, nove pontos atrás do primeiro time fora da zona de rebaixamento.

Na próxima quinta-feira (7), a Fiorentina visita o Sevilla, pela partida de ida das semifinais da Europa League, às 16h05. Pela Serie A, a Viola faz duelo local contra o Empoli no próximo domingo (10), às 13h. No mesmo dia, o Cesena recebe o Sassuolo, às 10h.

Fiorentina desperdiça chances, mas abre boa vantagem

Pressionada pela sequência de maus resultados, a Fiorentina teve uma postura ofensiva desde o começo da partida. Mesmo sem todos os seus titulares, a Viola finalizou 15 vezes na primeira etapa e teve 62% de posse de bola, apesar de no começo o Cesena ter chegado com perigo em contra-ataques. Logo aos 4, Brienza puxou contra-ataque pela esquerda e só parou dentro da área depois de ser travado pela defesa. Na cobrança do escanteio, Mudingayi dominou o rebote com o braço dentro da área, mas o juiz não viu e o belga levou perigo em chute de longe.

Depois de um começo cambaleante, a Fiorentina passou a dominar o jogo e perder ótimas chances. Aos 9, Ilicic avançou pela direita, cruzou para a área e a zaga afastou. Na sequência, o esloveno bateu para o gol e Perico salvou em cima da linha. Sete minutos depois, Vargas bateu falta de longe e Agliari fez grande defesa. Na cobrança de escanteio, Salah finalizou de voleio e dessa vez foi Rodríguez quem tirou em cima da linha.

O Cesena só voltou a assustar aos 23, com chute de longe de Carbonero, que levou pouco perigo. A Viola continuou pressionando, apertando a saída de bola e aos 30, após roubada da posse no meio campo, Valero fez grande jogada pela esquerda, passou por dois marcadores e foi derrubado por Mudingayi dentro da área, ganhando pênalti. Ilicic foi para a cobrança, o goleiro acertou o canto, mas não evitou o primeiro gol do jogo. Esse foi apenas o segundo gol da Fiorentina em sete penais cobrados.

Ilicic contrariou o retrospecto ruim da Fiorentina em cobranças de pênalti (Foto: Getty Images)

Aproveitando do abalo momentâneo do adversário, a Fiorentina ampliou logo na sequência. Aos 35, Vargas cruzou da esquerda, a zaga afastou e a bola sobrou para Ilicic. O autor do primeiro gol trouxe para o pé direito, que não é o seu preferido, e bateu cruado para marcar pela segunda vez no jogo. A Viola continuou criando chances e podia ter ampliado ainda no primeiro tempo. Já aos 44, Salah se livrou de dois marcadores, avançou pelo meio e finalizou bem, mas Agliari fez outra grande defesa. No escanteio, Savic cabeceou da pequena área e mais uma vez o goleiro do Cesena salvou e manteve a desvantagem do seu time em dois gols para o intervalo.

Viola administra vantagem e garante tranquilidade

Querendo garantir logo a sua vitória, a Fiorentina continuou com uma postura ofensiva na segunda etapa. Logo com um minuto, Salah fez jogada pelo meio, Gilardino realizou o pivô e Valero bateu cruzado, muito perto do gol. Quatro minutos depois, Salah puxou contra-ataque pela direita, invadiu a área e só parou em grande defesa de Agliari.

Precisando dos pontos para tentar a fuga do rebaixamento, o Cesena se lançou para frente. Aos 6, Rodríguez recebeu livre dentro da área, bateu cruzado, mas errou o alvo por pouco. Na sequência, Brienza ficou com o rebote do escanteio, cruzou para a área e Rodríguez teve chance para cabecear, mas mandou por cima. Quando os visitantes se aproximavam de um gol, Kurtic recebeu de Salah pela direita, cruzou rasteiro para a pequena área e Gilardino desviou para marcar o terceiro da Viola.

Não demorou muito para o Cesena descontar. Aos 13, Alejandro Rodríguez arriscou belo chute pela esquerda e mandou no ângulo, sem chances para Neto. O jogo passou a ficar mais controlado pela Fiorentina, que corria poucos riscos e criava a maioria das oportunidades. Aos 16 e aos 21, Ilicic exigiu boas intervenções de Agliardi.

Espanhol Alejandro Rodríguez comemora seu quinto gol na Serie A (Foto: Getty Images)

Com o resultado bem administrado, Ilicic tentou consagrar sua atuação com um hat-trick aos 33. O atacante fez jogada individual pelo meio, invadiu a área e, mesmo com outras opções, arriscou a finalização e levou perigo. Já nos minutos finais, o jovem Dal Monte, que entrou no segundo tempo no Cesena, criou boas oportunidades para cabeceios de Carbonero, mas em ambas a zaga da Fiorentina salvou, garantindo três pontos na conta dos comandados de Vincenzo Montella.

VAVEL Logo