Bayern alcança milésima vitória na história da Bundesliga com goleada sobre Colônia

Neste sábado (24), o Bayern de Munique goleou o Colônia por 4 a 0. Os gols foram marcados por Robben, Vidal, Lewandowski e Muller. Com a goleada, os bávaros ampliaram seu recorde estabelecido semana passada, e agora tem dez vitórias consecutivas nos dez primeiros jogos da temporada, além disso, o maior vitorioso da história da Bundesliga alcançou a vitória de número 1000 na competição nacional.

O Bayern com o resultado tem agora 30 pontos, dez pontos a mais que o segundo colocado, Borussia Dortmund, que joga amanhã, já o Colônia continua com 14 pontos na oitava colocação e pode perder uma posição, caso o Borussia Mönchengladbach derrote o Schalke 04.

Os dois times tem seus próximos compromissos pela Copa da Alemanha, o Bayern reedita a final da Supercopa da Alemanha contra o Wolfsburg, na terça-feira (27), enquanto o Colônia enfrenta, fora de casa, o Werder Bremen, ambos os jogos válidos pela segunda rodada da competição.

Robben marca na sua volta e Bayern abre vantagem

O técnico Pep Guardiola escalou o time no 4-1-4-1 com três mudanças em relação à derrota para o Arsenal na última terça-feira, saíram Thiago, Alonso e Bernat, e entraram Rafinha, Coman e Robben, que voltava de lesão após quase dois meses no departamento médico. O holandês começou jogando pelo meio, na companhia de Douglas Costa, com Muller e Coman pelas pontas.

O time visitante entrou na Allianz Arena com uma proposta defensiva e tentando explorar os contra-ataques e o poder de fogo do seu centroavante Modeste, e logo aos três minutos, Zoller finalizou e exigiu defesa de Neuer.

O Bayern respondeu primeiro com Robben depois de jogada de Coman e depois com Muller que exigiu grande defesa de Horn aos 11 minutos. A partir daí, o jogo virou um ataque contra defesa, porém os bávaros não conseguiam furar a retranca adversária, a tarefa se tornava mais difícil com Robben e Douglas Costa engessados no meio.

Guardiola percebeu o fato e recolocou Robben na posição que lhe consagrou mundialmente, e os efeitos disso surgiram. Aos 36 minutos, Robben corta a marcação, e passa para Muller que cruza, Lewandowski finaliza, a bola resvala na zaga e sobra na pequena área para o holandês corta o marcador, Horn cai, e ele toca tranquilamente para o fundo das redes e abre o placar.

Quatro minutos depois, Coman faz grande jogada pela esquerda, entorta o marcador, chega à linha de fundo e rola para trás, e Vidal bate no contrapé do goleiro, marcando o segundo bávaro na partida e assim terminou o primeiro tempo.

Lewandowski aparece, Bayern goleia e faz história

O Bayern voltou tentando ampliar o placar primeiro com Vidal, que arriscou de fora da área e Robben que finalizou aos 12 minutos para boa defesa do arqueiro Horn. O Colônia respondeu com uma cobrança de falta, mas sem perigo. Aos 16 minutos, Coman faz jogada e sofre falta. Na cobrança, Douglas Costa faz um cruzamento perfeito, e o artilheiro polonês cabeceou sem chances para o Horn, marcando seu décimo terceiro gol na Bundesliga e o terceiro do Bayern na partida.

Logo após o gol, Kimmich entrou na partida no lugar de Robben, que saiu aplaudidíssimo pela torcida bávara, e Martinez no lugar de Boateng, passando o Bayern a atuar no 4-2-3-1 com dois volantes e Douglas Costa caindo pela direita, Muller centralizado e Coman pela esquerda.

O brasileiro a partir disso, apareceu mais no jogo, primeiro fazendo jogada e tocando pra Lewandowski que perdeu a chance. Minutos depois, aos 31, depois de cruzamento da direita, Douglas finaliza, mas a bola rebate na defesa e vai pela linha de fundo. 

Na jogada seguinte, Kimmich faz grande passe, Lewandowski ganha na corrida, e sofre carga por trás e juiz marca pênalti. Na cobrança, Muller bate no canto direito, deslocando Horn, marcando o quarto do Bayern e assumindo a vice-artilharia da liga com 10 gols.

Após o quarto, Guardiola tirou Muller e colocou Thiago Alcântara, e os bávaros controlaram a partida com muitos toques de bola, até o apito final do árbitro, confirmado a 10° vitória na liga e a 1000° na história da Bundesliga no ano em que o Bayern completou 50 anos na competição, para delírio dos 75 mil presentes na Allianz Arena, que ainda foram presenteados com cervejas grátis fornecidas pela cervejaria patrocinadora do clube, para comemorar o feito.

VAVEL Logo