Pré-jogo: Em vantagem, Santa Fe decide vaga em casa diante do Independiente na Sul-Americana

Nesta quinta-feira (29), às 22h (horário de Brasília), Santa Fe e Independiente decidem quem avança à semifinal da Copa Sul-Americana 2015. No jogo de ida, os colombianos levaram a melhor no estádio Libertadores da América e trazem a vantagem do 1 a 0 para o El Campín. Balanta fez o único gol dos primeiros 90 minutos, enquanto o goleiro Diego Rodríguez desperdiçou uma cobrança de pênalti pelos rojos argentinos.

O Independiente ainda buscará reverter a situação para sair com a classificação, na busca pelo bicampeonato do torneio, o qual venceu na temporada de 2011. Já o Santa Fe espera confirmar a vaga em casa, diante do torcedor, e seguir pela conquista de um título internacional jamais alcançado.

Santa Fe focado para confirmar vaga em busca do título inédito

O goleiro Róbinson Zapata concedeu entrevista falando sobre o grande momento vivido pela equipe colombiana, na busca pela taça da Copa. O arqueiro garantiu que ainda não há nada decidido e o foco da equipe é total: "Estamos a 90 minutos, mas somos conscientes de que nada serve se não levarmos esse compromisso adiante. Queremos seguir sonhando e fazer as metas serem palpáveis", afirmou o guarda-redes do Santa Fe.

Apesar do discurso de cautela, o técnico Gerardo Pelusso afirma que seu time sempre jogará para ganhar: "Se repertirmos o resultado da ida, nós nos classificamos. Não sabemos jogar de outra maneira. Em Avellaneda, o que a equipe fez foi excelente. Se não fizemos mais, foi porque o adversário é de grande categoria".

A equipe colombiana treinou por último nesta quarta-feira e está completamente comprometida ao jogo decisivo. O estádio El Campín deve receber grande público para empurrar os mandantes rumo à classificação.

Em Bogotá, a equipe soma 10 partidas na Copa Sul-Americana, com sete vitórias, dois empates e apenas uma derrota, sofrida para o Nacional, mas que não eliminou o clube, pois havia vencido por 2 a 0 no Uruguai. Por competições da Conmebol, já enfrentaram argentinos 8 vezes, com três vitórias, três empates e duas derrotas, em presente equilíbrio.

O provável Santa Fe vai a campo com: Róbinson Zapata; Yulián Anchico, Yerry Mina, Francisco Meza, Leivyn Balanta; Juan Daniel Roa, Yeison Gordillo, Sebastián Salazar, Luis Manuel Seijas; Luis Quiñones e Wilson Morelo.

Ausência na ida, Cristian Rodríguez é dúvida no Independiente na volta

O meia uruguaio Cristian "Cebolla" Rodríguez não está confirmado ao jogo de volta no El Campín. Fora dos primeiros 90 minutos em função de lesão, o experiente e técnico jogador vai definir sua titularidade somente horas antes do duelo diante do Santa Fe.

Todavia, Rodríguez treinou com a equipe ainda em solo argentino. Caso não atue, Marcelo Vidal é o favorito para ocupar a posição na meia cancha, pois fora utilizado pelo técnico Mauricio Pellegrino também nas atividades que antecedem ao encontro.

Na formação testada pelo treinador, Diego Vera é o homem mais à frente, fazendo a referência do ataque dos rojos argentinos. Para a decisão, Pisano ficou de fora dos relacionados e, em seu lugar, está Alexis Zárate. Além das armas entre os 11 que vão atuar, o Independiente ainda tomará cuidados especiais: o medicamento Viagra, para melhorar a circulação pulmonar dos jogadores, é um dos trunfos para encarar o jogo na altitude de Bogotá.

A provável escalação do Indepediente é: Diego Rodríguez; Gustavo Toledo, Hernán Pellerano, Víctor Cuesta, Nicolás Tagliafico; Jorge Ortiz, Julián Vitale, Federico Mancuello; Cristian Rodríguez (Marcelo Vidal); Benítez e Diego Vera.

VAVEL Logo