Genoa segura ataque do Napoli e empata sem gols

Neste domingo (1º), Genoa e Napoli empataram por 0 a 0 pela 11ª rodada da Serie A, no Luigi Ferraris, com grande partida defesa genoana e do goleiro Perin, que fechou o gol.

O resultado fez o Napoli diminuir a distância para a líder em dois pontos, mas impediu que assumisse a liderança, já que, com a vitória, os napolitanos seriam líderes. Terminam, com isso, a rodada na quarta posição, com 22 pontos, um atrás da Roma e dois atrás das líderes Fiorentina e Internazionale. Já para os grifoni, o resultado serviu para subir três posições na tabela, ficar com 12 pontos e ir à 13ª posição.

Na próxima rodada, ambos jogam no domingo (8). O Genoa viaja para enfrentar o Frosinone, fora de casa, enquanto o Napoli receberá a Udinese, no San Paolo.

Napoli tenta, mas esbarra na excelente marcação do Genoa

O Napoli tem início perigoso aos quatro com Callejon, que recebe bola centrada pela direita e dispara uma bomba que encontrou Perin no caminho para impedir o gol da vantagem napolitana. Mas a equipe de Sarri não conseguia criar mais, e lutava para encontrar espaço. Enquanto isso, o Genoa contra-atacava, dando ao jogo um ritmo furioso desde o início.

Os napolitanos tiveram nova oportunidade perto do minuto 27 com Mertens, que invade a área e bate cruzado, mas a bola passa por Higuain, que não consegue desviar e a bola vai pra fora. O ritmo forte da marcação do Genoa fez os rossoblù perderem peças: Gasperini foi forçado a mudar na primeira etapa pelos problemas físicos de Munoz e Dzemaili, substituídos por Izzo e Ntcham.

O Genoa assustou Napoli aos 36 minutos com uma boa corrida para a esquerda de Perotti, cujo cruzamento rasteiro não teve nenhum desvio. O primeiro tempo terminou com um chute pra fora de Higuaín. Mas a reclamação do primeiro tempo a ser relatada foi uma jogada na área em que houve um choque entre Burdisso e Higuain, para o qual Pipita e o Napoli clamavam pela penalidade, não marcada pelo árbitro Daniele Doveri.

Perin salva o Genoa na segunda etapa e mantém o empate

Na segunda metade do jogo aumenta ainda mais o ritmo. Primeiro, Higuain de fora, chuta longe do alvo, e depois, Pavoletti responde com boa chance em boa posição, mas a bola também vai pra fora. A partir daí, o Napoli esteve perto de marcar algumas vezes: primeiro, aos nove minutos, Higuain recebeu um passe dentro da área e chutou de forma perigosa para o gol, mas sua comemoração foi frustrada pelo bloqueio de Ansaldi. Em seguida, aos 13, chute cruzado de Callejon pra fora, servido por Insigne, que entrou no lugar de Mertens, forçado a sair a um problema no joelho. 

O Genoa teve a primeira grande oportunidade com Figueiras aos 30, com defesa de Reina sem problemas. 1 minuto depois, Hamsikperde grande chance após passe que Insigne surpreendeu a defesa do Genoa, mas o capitão napolitano sozinho à frente de Perin chuta fracamente, e o goleiro rossoblù faz grande defesa.

Nos minutos finais, Insigne não encontra o gol em uma assistência de David Lopez aos 41, em chute prejudicado por Higuain e Izzo, e no contra-ataque, Pavoletti chega a tirar de Reina, mas Albiol antecipa e salva o gol genoano. A partida terminou sem gols e acabou com uma série de sete vitórias seguidas dos napolitanos. Por outro lado, foi o terceiro jogo consecutivo sem vitória dos genoanos.

Bologna atropela Atalanta; dois empates sem gols

A rodada de meio-dia (horário de Brasília) foi marcada por mais dois empates sem gols, além do 0 a 0 entre Genoa e Napoli. Em Udine, no estádio Friuli, Udinese e Sassuolo empataram sem gols. A Udinese termina o domingo na 14ª posição, com 12 pontos, mas pode perder posições dependendo do jogo desta segunda-feira (2) entre Palermo e Empoli, às 17h45 (de Brasília). Já o Sassuolo, só não perderá a condição de quinto colocado, na qual está com 19 pontos, caso não haja vencedor no duelo deste domingo, às 17h45 (de Brasília), entre Lazio e Milan.

Houve também o empate sem gols no duelo dos piores times da Serie A até aqui: o jogo do último colocado Carpi contra o penúltimo colocado Hellas Verona terminou em 0 a 0. Pior para ambos, que estão somente com seis pontos, a quatro do último time fora da zona de rebaixamento, o Frosinone (dez pontos). O Hellas está na penúltima posição e, apesar de ser o único a não ter vencido nesta Serie A, leva vantagem sobre o Carpi pelo saldo de gols. 

O destaque da rodada foi o Bologna, que voltou a vencer no estádio Renato Dall'Ara, atropelando a Atalanta por 3 a 0. Foi a primeira vitória do novo técnico bolonhês Roberto Donadoni, e seus novos comandados só marcaram na segunda etapa, com gols de Giaccherini, Destro e Brienza. Com o resultado, o Bologna está na 18ª posição, ainda na zona de rebaixamento, com nove pontos, a um ponto do primeiro fora da zona. Já a Atalanta, com a derrota, fica na sétima posição, com 17 pontos, e ainda pode perder uma posição em caso de vitória do Milan diante da Lazio.

VAVEL Logo