Molde vence Celtic fora de casa e conquista vaga antecipada na Europa League

Em partida válida pela quarta rodada da fase de grupos da Uefa Europa League, Celtic e Molde se enfrentaram no Celtic Park pelo grupo B e os visitantes levaram a melhor. Vencendo por dois a um, com gols de Elyounussi e Hestad, os noruegueses conseguiram a vaga para a próxima fase de forma antecipada, afundando os escoceses na última posição. Commons foi quem descontou para os donos da casa.

Com o fim da rodada, o Molde permanece na primeira posição agora com dez pontos e com vaga já assegurada nos 16-avos-de-final, enquanto o Celtic vai ao último lugar do grupo, ficando com apenas dois pontos, três atrás do segundo colocado Fenerbahçe. Na próxima rodada, os noruegueses recebem o time turco, às 18h (horário de Brasília) no dia 26, enquanto os Hoops recebem o Ajax, no mesmo dia e horário.

Celtic não consegue criar e Molde abre 2-1 na primeira etapa

Pegada como deveria ser, a partida começou com os dois times alternando a posse da bola, apesar dos visitantes terem maior posse do esférico. Entretanto, foi o Celtic que atacou primeiro e com maior perigo no inicio do jogo, tendo dois gols anulados pela arbitragem em menos de três minutos. Um aos nove, com Bitton chutando de fora mas vendo a redonda desviar em Commons que estava em posição irregular, e depois aos onze, quando Griffiths aproveitou rebote do goleiro adversário em chute dentro da área, mas o escocês também estava impedido.

Molde, por sua vez, teve uma grande chance aos dezoito minutos, quando Hoiland recebeu belo passe por elevação vindo do campo defesivo e, mesmo cara a cara com Gordon, não conseguiu finalizar em gol. Entretanto, dois minutos depois, o carrasco do jogo de ida entre as duas partidas, Elyounoussi marcou um belo gol com um chute de fora da área, abrindo o placar no Celtic Park. Mas a celebração apenas durou cinco minutos, quando, da mesma forma, Commons desviou o belo chute de fora da área de Bitton, fazendo a bola morrer no fundo das redes. 

Movimentado como estava, não seria diferente no placar. Hestad aproveitou um cruzamento vindo de dentro da área e empurrou a bola pro fundo do gol de Gordon, mesmo que marcado, aos trinta e seis minutos, colocando o Molde de volta com a liderança. Já no fim do primeiro tempo, as equipes não conseguiram criar nada de perigoso contra o adversário, ficando por isso. 

Com expulsão do Celtic, Molde apenas administra o placar 

Já na segunda etapa, os times trataram de fazer alterações pensando em seus respectivos objetivos com o decorrer da partida e Tierney, após bela jogada individual pela esquerda, chutou com força uma bola sem ângulo, ganhando o escanteio. Na cobrança, a defesa afasta. Já aos sete minutos da segunda etapa, o Molde chegou bem pela direita com uma bela troca de passes, mas a defesa acabou afastando em uma investida de Kamara por ali. 

Aos quatorze minutos, entretanto, Horvath passou por um momento de extremos. Primeiro o goleiro falhou em tirar a bola, mas, na sequência, fez uma defesa crucial na cabeçada de Lustig que tinha endereço. Na cobrança do escanteio, três minutos depois devido a um atendimento médico, o goleiro visitante fez outra defesa incrível em outra cabeçada, dessa vez de Bitton. Aos vinte e dois minutos, em cruzamento vindo do escanteio, Hestad de novo se antecipou para tentar marcar, mas mandou a bola para fora.

No minuto vinte e nove, Johansen achou Griffiths livre e em posição legal dentro da área, sozinho. Mas o camisa nove não conseguiu colocar a bola dentro do gol, chutando para fora a chance de empatar no Parkhead. Já aos trinta e um, Bitton foi expulso e, na cobrança de falta, Toivio colocou a bola na parte externa da trave, causando susto. Seis minutos depois, Kamara tenta novo chute de fora, mas a bola bate de novo na parte externa da trave e vai para fora. 

VAVEL Logo