Paris Saint-Germain massacra Toulouse e amplia vantagem na liderança da Ligue 1

Na tarde deste sábado (7), no Parc des Princes, o Paris Saint-Germain venceu mais uma nesta temporada da Ligue 1. A vitima da vez foi o Toulouse, em jogo válido pela 13ª rodada. Os cinco gols do time da capital francesa foram marcados por Di María, Lucas Moura, Lavezzi e Ibrahimovic, duas vezes.

Com o resultado positivo, os parisienses chegaram a impressionante marca de 11 vitórias em 13 jogos. O clube empatou outras duas vezes e segue invicto na competição nacional. O time comandado por Laurent Blanc lidera com 35 pontos. O segundo colocado, Lyon, tem 22 pontos. O aproveitamento até então é de 89,7%. No sábado (21), o PSG visita o Lorient.

O Toulouse só venceu uma vez neste campeonato francês, na primeira rodada. O clube está há 12 partidas sem um triunfo na Ligue 1 e está na zona de rebaixamento. É o 19º colocado, com apenas nove pontos. Também no dia 21, o Téfécé encara o Guingamp, fora de casa.

Di María abre o placar e Ibrahimovic amplia a vantagem

O Paris Saint-Germain abriu o placar cedo, logo aos seis minutos. Falta cobrada da intermediária, Di María mandou no tumulto, a bola passou por todo mundo, ninguém tocou e goleiro não alcançou. A redonda parou no fundo das redes. A pressão parisiense era intensa: Van der Wiel encheu o pé de fora da área, por cima da meta.

No minuto seguinte, o lateral holandês cruzou, o goleiro Ahamada afastou para o meio e a bola voltou para o ataque parisiense. Ibrahimovic rolou para Di María, que bateu colocado e o goleiro encaixou. A primeira tentativa do Toulouse só aconteceu aos 13, Trejo arriscou de longe e mandou por cima do travessão.

Impiedoso, o time da casa ampliou a vantagem no marcador: Di María cruzou, Ibrahimovic escorou para o meio, mas quem tocou de volta foi Tisserand, zagueiro do Toulouse. O sueco não desperdiçou, aproveitou a tabelinha com o adversário e cabeceou para o gol.

Lançamento do Toulouse para a área, Van der Wiel cortou o lançamento e Trapp agarrou com as mãos. O arbitro viu o recuo e marcou tiro livre indireto. Na cobrança, Braithwaite mandou em cima da barreira, Ninkov ficou com a sobra, mas chutou para fora. Do outro lado, Thiago Silva achou Ibrahimovic livre, o sueco dominou e finalizou, obrigando o goleiro a fazer boa defesa. A chance do terceiro veio com Di María, mas o argentino concluiu para fora. O domínio do PSG resultou em 69% por cento de posse de bola, além da boa vantagem no placar.

Lucas entra e agita a partida; PSG aproveita erros do Toulouse

O panorama no inicio do segundo tempo era semelhante ao da etapa inicial. O Toulouse recuado, com todos atrás da linha da bola. O Paris SG tinha o domínio da posse. A dupla de zaga brasileira tinha bastante espaço para começar as jogadas. Pela faixa esquerda, Matuidi tocou para Cavani que soltou a bomba. Ahamada  fez excelente defesa, evitando mais um tento.

Pouco depois, o Toulouse perdeu grande chance: David Luiz vacilou e a bola ficou com Akpa Akpro, o marfinense tocou para o meio, mas Braithwaite chegou atrasado. A resposta do PSG veio com Cavani. O uruguaio recebeu na esquerda e bateu cruzado, passou ao lado da trave. Os visitantes até chegavam ao ataque, mas erros individuais atrapalhavam as investidas.

O técnico Laurent Blanc promoveu duas mudanças. Saíram Cavani (que não gostou da substituição) e Di Maria, entraram Lucas e Lavezzi. Em sua primeira participação, o brasileiro fez o terceiro. Ele começou a jogada, tocou para Ibrahimovic e correu para a área. Van der Wiel recebeu do sueco na direita e cruzou na medida para Lucas, que cabeceou no ângulo.

Aos 29 do segundo tempo, Lucas driblou três marcadores e chutou de fora da área. O goleiro deu rebote e Ibrahimovic completou para as redes, marcando o quarto gol dos parisienses. O quinto não demorou a sair. Em cobrança de falta rápida, Kana-Biyik falhou e Lavezzi saiu na cara do gol. O argentino deslocou o goleiro e correu para o abraço.

VAVEL Logo