Sevilla vira diante do Real Madrid e acaba com invencibilidade do rival na temporada

Neste domingo (8), Sevilla Real Madrid fizeram um grande jogo que fechou a 11ª rodada do Campeonato Espanhol 2015/16. De virada e com uma atuação muito boa, os donos da casa bateram os merengues por 3 a 2 com gols de ImmobileBanega LlorenteSergio Ramos, com uma meia bicicleta, e James Rodriguez fizeram para os blancos.

Com o resultado, o Sevilla pula para a 10ª colocação do campeonato com 15 pontos. Por outro lado, o Real Madrid perde a chance de voltar a liderança e agora vê o rival Barcelona com três pontos na frente.

Na próxima rodada, que só será realizada daqui a duas semanas, o Sevilla vai até a Andaluzia encarar a Real Sociedad no sábado (21), às 13h. No mesmo dia, só que às 15h15, acontecerá o maior clássico do planeta, quando o Real Madrid recebe o Barcelona valendo a liderança do campeonato.

Jogo movimentado e resultado igual

Como esperado, o Real Madrid foi quem tomou as rédeas do confronto no Ramon Sanchez Pizjuan, ficando bastante com a bola e trabalhando a redonda, tentando furar o bloqueio formado pelos comandados de Unai Emery. O Sevilla tinha dificuldade para sair e sofria com as chegadas merengues pelas laterais. Na primeira boa chance, Danilo recebeu na direita, levantou a cabeça, cruzou e Bale cabeceou, mas Sergio Rico defendeu.

Improvisado, mais uma vez, na lateral esquerda, Nacho também assustou a meta defendida por Sergio Rico. Aos 10', após escanteio, a bola chegou na entrada da área para o defensor merengue, que pegou de primeira e a redonda explodiu na trave do Sevilla. Após este lance, o jogo ainda ficou sobre controle dos visitantes, mas com o Sevilla marcando bem.

Mas depois de tanto persistir, os merengues chegaram ao gol, e de maneira sensacional, quando escanteio foi cobrado e Sergio Ramos, quase da entrada da área, pegou uma meia bicicleta e abriu o placar no Ramon Sanchez Pizjuan: 1 a 0 Real Madrid. Após o gol, o capitão merengue sentiu o ombro esquerdo, mesmo que ele já tinha um problema, e foi substituído por Varane.

Só que o gol acordou os donos da casa, que foram para cima dos merengues. A primeira boa chance aconteceu aos 27', quando Tremoulinás cruzou e Pepe tirou o gol de Immobile. Só que o italiano seria recompensado minutos depois. Aos 35', após cobrança de escanteio, a bola passou por toda a área merengue e chegou na segunda trave para Immobile, que chutou quase sem ângulo e empatou o jogo em Sevilha: 1 a 1. No final do primeiro tempo, ambos os times tiveram chances para passar à frente, mas não marcaram.

Sevilla é melhor, vira e acaba com invencibilidade merengue

O primeiro tempo foi de muita intensidade e o segundo tempo também não deixou a desejar. Logo nos primeiros minutos, Sevilla e Real Madrid faziam um grande jogo, muito movimentado e com pressão para os dois lados. Os merengues chegaram bem em finalizações de Cristiano Ronaldo Kroos, mas quem marcou e ficou na frente foram os donos da casa, quando Konoplyanka tabelou com Immobile e cruzou rasteiro para Banega, que mandou para o fundo do gol: 2 a 1 Sevilla.

E o gol, além da entrada de James Rodriguez, acordou os merengues, que voltaram a tomar conta do jogo. Aos 22', Sergio Rico quase ia entregando, quando o goleiro do Sevilla saiu jogando errado, Modric passou para Ronaldo, que poderia ter passado a bola, mas arriscou e mandou para fora. Minutos depois, Bale recebeu na entrada da área e arriscou, mas a bola foi por cima.

O Sevilla tentava só nos contra-ataques, buscando fazer o terceiro, e os donos da casa conseguiram. Aos 29', Tremoulinás chegou bem pela esquerda, mas cruzou errado. A bola chegou na direita para Mariano, que levantou a cabeça e cruzou na cabeça de Llorente, que subiu totalmente livre para ampliar a vantagem sevillista: 3 a 1. No último lance do jogo, James Rodriguez driblou Konoplyanka e mandou no canto de Sergio Rico, mas já era tarde: 3 a 2 Sevilla.

VAVEL Logo