Após primeira goleada da temporada, Mancini destaca liderança da Inter na Serie A

A Internazionale derrotou o Frosinone, neste domingo (22), em Milão, com um glorioso 4 a 0, afirmando a primeira goleada da equipe de Roberto Mancini em toda a temporada 2015/16 – a favor, logicamente, pois houve um revés de 4 a 1 ante a Fiorentina, em setembro, também em Milão.

Apesar da comemorada liderança isolada na Serie A, somando apenas a já citada derrota, esta foi a primeira vez que o time milanês marcou mais de dois gols em uma partida, e só a segunda em que a equipe anotou mais de um tento. Com esta Inter pragmática, que faz o suficiente para triunfar, 'Mancio' se mostra bastante feliz.

"O campeonato é muito longo, creio que existem três ou quatro equipes mais organizadas e melhores que nós, com jogadores que estão juntos há mais tempo e estão mais prontos do que nós para vencer. Mas somos feliz de estar ali no topo", deixou claro o treinador interista, sem esquecer a modéstia tradicional. "Não penso que o jogo contra o Napoli já possa representar um duelo pelo scudetto", deu sequência o italiano, ídolo de algumas das mais quentes torcidas do país.

O treinador também destacou que não vê a Inter como a principal candidata ao título. "Os quatro favoritos para mim são Napoli, Roma, Fiorentina e, mesmo um pouco atrasada, a JuventusDevemos melhorar na finalização das ocasiões que construímos. Dois gols foram marcados no final [por Jeison Murillo e Marcelo Brozovic], mas mesmo assim estivemos fortes. Estamos felizes por ter convertido algumas das chances, mas também pela vitória", explicou. "Murillo como lateral? Nagatomo teve problemas, então o coloquei ali".

Perguntado sobre qual Inter chegará ao San Paolo, para enfrentar o vice-líder Napoli, na próxima segunda-feira (30), Roberto Mancini tratou de diminuir um possível oba-oba. "Esta noite acabou 4 a 0, mas não foi uma partida simples como indica o resultado final. Nós tivemos oportunidades, mas foi um jogo tenso até o fim. Na luta pelo scudetto existem times mais completos que o nosso, e o Napoli é um dessses", exclamou o comandante.

VAVEL Logo