Arsenal enfrenta Norwich em confronto de opostos na Premier League

Em partida válida pela décima quarta rodada da Premier League, o Arsenal viaja até Norwich para enfrentar o Norwich City, no Carrow Road, às 14h15 deste domingo (29). Ambos os times veem de derrota: os Gunners para o West Brom por 2 a 1, enquanto os Canaries tiveram um revés para o Chelsea por 1 a 0, em Londres. Portanto, as equipes buscam recuperação dos pontos perdidos na última rodada, mas com objetivos distintos.

Os donos da casa ocupam a décima sexta posição na tabela, estando três pontos da zona de rebaixamento. Os visitantes, por sua vez, estão em quarto lugar, dois pontos atrás do líder Leicester City, que enfrenta o Manchester United na rodada.

Na última partida disputada entre as equipes, ocorreu em 11 de maio de 2014, quando o Arsenal venceu o Norwich nos domínios do rival por 2 a 0, confirmando o quarto lugar na tabela e consequentemente a vaga na Champions League, além de rebaixar a equipe de Carrow Road na ocasião. Aaron Ramsey e Carl Jenkinson foram os carrascos da vez, marcando os gols apenas na segunda etapa.

Confiante no apoio da torcida, Alex Neil acredita na vitória do Norwich

Jogando em casa, o Norwich então tem a possibilidade de jogar diante de sua torcida, por consequência. O treinador da equipe, Alex Neil, acredita que esse pode ser um fator determinante para empurrar seus jogadores a conquistarem um resultado favorável.

“É crucial [jogar em casa]. Se conseguirmos impor nosso jogo contra o Arsenal, isso pode levantar a torcida presente e dar um gás a mais aos nosso jogadores. Somos o time da casa, portanto precisamos nos colocar em tal posto e tirar algo do jogo”, comentou o técnico.

Admitindo a força dos adversários da vez, Neil falou que a equipe de Arsène Wenger é uma das mais difíceis de se jogar na competição, entretanto lembra que o clube perdeu algumas partidas no ano, sendo a mais recente na última rodada da Premier League, também jogando fora de casa contra o West Brom.

“Será um grande teste para nós, visto que o Arsenal é provavelmente um dos times mais difíceis de se jogar contra na liga. Precisamos dar a certeza que usaremos o que podemos contra eles, expondo seus pontos fracos”, revelou o inglês.

Para o embate, o treinador terá à disposição novamente o capitão Russell Martin, afirmando que o jogador estará no elenco que irá para o jogo, mesmo que o atleta ainda tenha alguns problemas domésticos para enfrentar. Os jogadores que não irão para o jogo, por outro lado, são Alex Tettey, com problema na coxa que vem desde o jogo contra o Chelsea, no último sábado, e Matt Jarvis, que tem problema no joelho, sofrido no jogo contra o Manchester City, em outubro.

Wenger acredita que Arsenal irá enfrentar Norwich com confiança restaurada

Após a derrota para o West Brom, o Arsenal venceu na Champions League no meio de semana e manteve as suas chances de se classificar para a próxima fase da competição vivas, depois de uma convincente vitória por 3 a 0.

Isso faz o treinador francês dos Gunners, Arsène Wenger, acreditar que a confiança da equipe esteja restaurada, mesmo que crendo que o revés foi falta de sorte do grupo. O retrospecto também favorece a equipe londrina, contabilizando uma derrota em treze jogos contra o rival de domingo.

Analisando o que espera do confronto, Wenger enfatizou que o adversário não é o que acaba contando, e sim a forma como vai enfrenta-lo, lembrando o atual panorama de evolução da Premier League.

Sabemos que para eles, enfrentar times como nós é sempre algo especial. Portanto precisamos estar mais focados, porque acho que a chave para a vitória na partida estará mais conosco do que com os adversários. Como já disse antes, não é com quem se joga e sim como se jogará em jogos como esse”, observou o boss.

O Arsenal tem uma lista extensa de contusões para a partida, contabilizando seis, sendo eles: Wilshere (tornozelo), Welbeck, Rosicky, Coquelin (ambos joelho), Arteta e Walcott (panturrilha ambos). 

VAVEL Logo