Brasileiro Wallace falha, Roma vence dérbi contra Lazio e mantém tabu sobre rival
Jogadores da Roma comemoram o gol de Strootman junto à torcida, no Olímpico (Foto: Divulgação/AS Roma)

Em fim de semana marcado por homenagens à Chapecoense, o Derby della Capitale entre Lazio e Roma, realizado neste domingo (4), no estádio Olímpico, pela 15ª rodada da Serie A, não foi diferente. Ambas equipes respeitaram um minuto de silêncio, com os jogadores misturados no círculo central. As torcidas transformaram a homenagem em um minuto de aplausos. Com a bola rolando, os giallorossi mantiveram a boa fase no clássico e venceram por 2 a 0, mantendo uma escrita que já dura mais de três anos.

Em jogo muito truncado e disputado, o primeiro tempo foi marcado pela falta de criatividade e pelas poucas oportunidades que os dois times tiveram. Só na segunda etapa o placar foi aberto, com gol de Kevin Strootman, após falha clamorosa do brasileiro Wallace. A Roma ampliou com Nainggolan, um dos melhores em campo, numa finalização de muito longe. Sempre marcado por muita provocação, o dérbi não foi diferente desta vez. Strootman e Cataldi começaram confusão generalizando logo após o primeiro gol romanista.

Com a vitória, a Roma reassume a vice-liderança, ultrapassando o Milan, adversário da próxima rodada da Serie A. Antes de enfrentar os rossoneri, no entanto, o clube vai até a Romênia para duelo contra o Astra Giurgiu, na quinta-feira (8), pela Uefa Europa League. Já a Lazio se mantém na quinta colocação, vendo Roma e Milan, adversários por uma vaga na próxima edição de Uefa Champions League, abrirem quatro pontos de vantagem. Na próxima rodada, os biancocelesti visitam a Sampdoria, em Gênova.

Jogadores de Roma e Lazio se unem para respeitar um minuto de silêncio, homenageando as vítimas do acidente com o avião da Chape (Foto: Paolo Bruno/Getty Images Sport)
Jogadores de Roma e Lazio se unem para respeitar um minuto de silêncio, homenageando as vítimas do acidente com o avião da Chape (Foto: Paolo Bruno/Getty Images Sport)

Primeira etapa tem poucas chances e falta de criatividade

O dérbi começou quente. Em apenas 40 segundos, já tínhamos duas faltas assinaladas. Com a bola rolando, o que se viu no início do jogo foi uma partida de poucas oportunidades, muito disputada no meio de campo. A Roma tinha mais dificuldades para criar chances, mas a Lazio só chegou com uma finalização de Lulic que Szczesny encaixou sem dificuldades. Aos 12, Immobile teve grande ao receber de Milinkovic-Savic já dentro da área, mas tentou chutar forte e acabou isolando.

A equipe giallorossa mostrava sentir muita falta de Mohamed Salah. Sem criatividade em seu meio de campo, Dzeko atuava muito isolado e os romanistas não tinha uma válvula de escape, função muito bem desempenhada por Salah por conta de sua velocidade. Enquanto isso, a Lazio dominava a posse de bola, mas quando chegava, acabava pecando na finalização. Aos 28, uma grande polêmica. Bruno Peres fez jogada pela ponta-direita e acabou caindo na risca da grande área. O árbitro Luca Banti chegou a assinalar o pênalti, mas voltou atrás e marcou apenas uma falta, duvidosa da mesma forma. Na cobrança, lance sem perigo.

Primeiro tempo foi marcado por divididas fortes, como essa entre Felipe Anderson e Perotti, sob o olhar atento de BIglia (Foto: Marco Rosi/Getty Images)
Primeiro tempo foi marcado por divididas fortes, como essa entre Felipe Anderson e Perotti, sob o olhar atento de BIglia (Foto: Marco Rosi/Getty Images)

Roma marca duas vezes no segundo tempo e Strootman provoca banco laziale

Na volta para a segunda etapa, a Lazio tentou ameaçar logo aos 4 minutos, com finalização de fora da área do meio-campista Parolo. O chute acabou saindo em cima de Szczesny, que fez boa defesa, sem dar rebote. Pouco depois, em jogada ensaiada numa falta, Dzeko recebeu dentro da área, mas acabou cabeceando sem força, para boa defesa de Marchetti. Aos 15, o goleiro laziale salvou sua equipe. Depois de cruzamento de Nainggolan, Dzeko cabeceou livre, para o chão, e Marchetti fez defesa espetacular, no reflexo, para evitar que o placar fosse aberto.

Mas foi aos 18 minutos da segunda etapa que o Derby Della Capitale saiu do zero. O zagueiro Wallace interceptou passe para Dzeko, mas foi tentar sair driblando na defesa e acabou entregando a bola no pé de Strootman, que saiu cara a cara com Marchetti e tocou por cobertura na saída do goleiro para fazer o primeiro da Roma na partida. Logo após o gol, o holandês passou em frente a jogadores da Lazio e jogou água em Cataldi, que ficou irritado, puxou o romanista pela camisa e começou confusão generalizada envolvendo todos os jogadores dos dois times. No fim, Cataldi expulso e Strootman recebendo amarelo.

Já aos 30 minutos de jogo, Nainggolan ampliou para os giallorossi. Com espaço no meio de campo, arriscou de muito longe. Marchetti demorou a pular e viu a bola rasteira entrar no seu canto esquerdo, apesar do esforço para fazer a defesa. Perdendo por 2 a 0, a Lazio tentou partir para cima, mas não conseguia ameaçar o gol defendido por Szczesny, esbarrando numa defesa romanista bem postada. Com o fim da partida, a Roma garante invencibilidade de mais de três anos sobre os rivais. A última vitória laziale foi na final da Copa Itália da temporada 2012/13, em maio de 2013.

VAVEL Logo