Simeone enaltece vitória sobre Las Palmas e avalia ano do Atlético de Madrid: "Extraordinário"
Foto: Divulgação/Atlético de Madrid

O Atlético de Madrid reencontrou o caminho das vitórias ao bater o Las Palmas, neste sábado (17), em casa, pelo placar mínimo, valendo pelo Campeonato Espanhol. Técnico dá equipe colchonera, Diego Simeone se mostrou satisfeito com o resultado e fez um balanço da vitória.

"Foi justo que ganhássemos, fizemos um jogo completo. No primeiro tempo tivemos muitas situações de gol e no segundo respondemos muito bem ao ataque do rival. Ainda tivemos alguns contra ataques para tentar ampliar, mas não conseguimos", disse o comandante, após o jogo.

"Se pode polemizar quanto a posse de bola e as ocasiões claras de gol que as das equipes tiveram. Las Palmas tem um bom jogo entre linhas e tem muita posse de bola, o que fazem deles um adversário difícil. Nós temos outra característica com jogadores rápidos, contundentes nos espaços, ainda que não podemos materializar as ocasiões. O time jogou a partida que imaginávamos", ressaltou.

Simeone ainda elogiou os jogadores e minimizou a ausência de gols de Griezmann e Gameiro. "Moyá fez uma grande atuação, como já esperávamos dele. Saúl esteve brilhante no meio, Gabi também, como sempre, Vrsaljko também foi ótimo. Gameiro e Griezmann foram tremendos, mas infelizmente não conseguiram balançar as redes. Esperamos encontrar a regularidad no ano que vem", pontuou.

Por fim, Simeone enalteceu o ano de 2016 do Atleti e espera manter o elenco em 2017 para seguir competindo. "Fechamos um ano extraordinário, um ano em que a equipe chegou a disputar uma final de Champions League, competir até a última rodada de La Liga e passar novamente para as oitavas de final da Champions. Qualquer torcedor do Atlético de Madrid deve estar orgulhoso. Ainda que em La Liga estamos um pouco irregulares, fechamos um ótimo ano. É muito difícil que um grupo como o nosso venha competindo cinco anos da mesma maneira que fazemos hoje", destacou.

"Esperamos que não saia ninguém. Sempre temos a cabeça aberta e sabemos que há possibilidade para tudo, mas contamos com os jogadores que temos para seguir competindo no ano que vem e o que falta na Liga, Champions League e Copa do Rei", encerrou.

VAVEL Logo