Valencia marca, mas sofre virada do Alavés e tem sequência de vitórias quebrada

Deportivo Alavés e Valencia abriram o sábado de jogos pela 24ª rodada do Campeonato Espanhol. Em partida de poucas chances de gols, os donos da casa viraram a partida no fim, conquistaram mais uma vitória e frearam a reação do Valencia no campeonato. Soler abriu o placar para os visitantes após cobrança de falta de Parejo, mas Ibai Gomez em chute de fora da área, e Katai, driblando o goleiro, fizeram a alegria dos quase 20 mil presentes no Estádio Mendizorroza.

Na próxima rodada, o Alavés, em 10º provisoriamente na tabela, visita o Granada, na quarta-feia (1) em busca da terceira vitória consecutiva e o Valencia, em 14º e ainda podendo perder uma posição até o fim da rodada, recebe o Leganés na terça-feira (28).

Em um primeiro tempo bastante equilibrado e nivelado por baixo, a característica das duas equipes de esperar o adversário levou o jogo a ser muito disputado pelo meio de campo. O que se viu foram dois times com muita disposição, vontade, mas sem muita criatividade, que não criaram nenhuma chance clara de gol nos primeiros 45 minutos. Pelo lado do Alavés, Llorente foi o destaque, fazendo uma ótima marcação e iniciando as jogadas de ataque.

A melhor chance apareceu somente aos 44 minutos com Manu Garcia, que recebeu na grande área, ajeitou, e bateu de canhota, à direita do gol de Diego Alves. O Valencia pouco criou, talvez sentindo a falta de Nani, que lesionou-se no jogo contra o Real Madrid e desfalca o time. Com justiça o primeiro tempo terminou em 0 a 0.

O Alavés voltou para o segundo tempo com muito mais ímpeto no ataque, saindo com mais velocidade e chegando com perigo. Logo no início, novamente Manu García teve boa chance, mas Diego Alves apareceu para fazer a defesa. E a máxima "quem não faz, leva" se fez valer. Aos 70', Dani Parejo cobrou falta com força, Fernando Pacheco espalmou, a bola bateu no travessão e sobrou para Soler pegar o rebote e abrir o placar.

Parecia que o Valencia conquistaria sua terceira vitória consecutiva, mas as alterações feitas pelo técnico Maurício Pellegrino mudaram a partida. Romero entrou pela direita e começou a jogada que terminou com Ibai Gómez, que dominou na entrada da área, limpou a marcação e bateu rasteiro, sem chances para Diego Alves.

Quando parecia que o jogo se encaminharia para um empate, novamente Pellegrino fez uma alteração crucial. Aos 40', colocou Katai no lugar de Camarasa, um minuto depois o meio-campista sérvio recebeu linda bola de Sobrino, saiu de frente com Diego e com tranquilidade limpou o goleiro brasileiro para virar a partida e garantir a vitória. O Valencia perde após vencer Atheltic Bilbao e Real Madrid, enquanto o Alavés parece não ter se abalado com a goleada sofrida para o Barcelona e vence a segunda em seguida.

VAVEL Logo