No quarto clássico da temporada, Juventus e Milan se enfrentam em Turim
Fotomontagem: Hugo Alves/Editoria de Arte

Uma vitória para cada lado e um título decidido: este é o cenário do clássico entre Juventus e Milan na atual temporada. Na tarde desta sexta-feira (10), as equipes se enfrentam pela última vez na época 2016/17. O duelo ocorrerá no Juventus Stadium, às 16h45, pela abertura da 28ª rodada da Serie A.

Não se discute a hegemonia da Velha Senhora em solo italiano há um bom tempo. Detentora dos últimos cinco scudetti, a Juve aproxima-se cada vez mais da sexta conquista em sequência, o que seria algo inédito na história da Serie A. Nesta temporada, a esquadra bianconera está com oito pontos de vantagem em relação ao segundo colocado.

Forte no início de temporada, chegando a incomodar em muitas rodadas a própria Juventus, o Milan volta a se recuperar na liga italiana após um período complicado, onde chegou a ficar longe das vitórias por cinco rodadas consecutivas. O clube rossonero está na sétima colocação, a apenas um ponto da zona de classificação para a próxima Uefa Europa League, e a sete da UCL.

O Milan não vence a Juventus em Turim desde a temporada 2010/11

Levando em conta os duelos desta temporada, o retrospecto frente à Juve é favorável ao lado milanista dessa história. Foram três partidas disputadas até então: no primeiro turno da Serie A, vitória do Diavolo por 1 a 0 no San Siro; próximo ao fim do ano, as equipes decidiram a Supercopa da Itália, e deu Milan; mais recentemente, houve um confronto pelas quartas de finais da Copa Itália, onde a Juve venceu 2 a 1, eliminando o rival.

Sem Chiellini, Allegri sinaliza Benatia como provável substituto

Além da preocupação de disputar um importante clássico antes do jogo de volta da Uefa Champions League, o técnico Massimiliano Allegri terá que "driblar" alguns problemas contra o Milan, como o desfalque de jogadores fundamentais.

Na defesa, o comandante comentou sobre quem irá suprir a ausência de Chiellini, lesionado. "Giorgio definitivamente não irá jogar. Isso é certo. Vamos ver se o teremos contra o Porto, mas acho muito difícil. Bonucci irá para o jogo. Como seu companheiro devem disputar a vaga Rugani, Benatia e Barzagli. Vejo Benatia um pouco à frente dos dois", revelou, em entrevista coletiva. 

Em alta, Juan Cuadrado também ficará de fora no meio de campo. O colombiano está suspenso e deve ser substituído pelo croata Marko Pjaca"Honestamente ainda não decidi quem irá entrar. Vou avaliar hoje na última sessão de treino. Pjaca pode ser uma opção. Devo decidir se ele ficará no banco ou se irei colocar outro volante. Tenho mais alguns pontos para decidir hoje",  acrescentou.

Imparável, a Juventus não perde há 11 partidas na temporada

Sobre o adversário, Allegri falou sobre o trabalho tático de Montella e em relação a força física do elenco milanista. "Não sei se irei surpreender Montella taticamente. Não faço ideia de como ele irá jogar, mas seu estilo é muito bem delineado. O que poderia mudar é aqueles que a interpretam. Você pode jogar com o mesmo sistema, mas se você mudar os intérpretes, ou seja os jogadores, tudo muda", comentou. 

Disputando somente a Serie A, Montella quer Milan com "jeito de final"

Mesmo com um retrospecto recente positivo, uma verdadeira maldição terá que ser quebrada nesta sexta se o Milan quiser sair de Turim com uma vitória. O Diavolo não vence a Juve em sua casa desde a inauguração do Juventus Stadium, em 2011. Na ocasião, ninguém menos que Gennaro Gattuso marcou o gol salvador.

O técnico milanista, Vincenzo Montella, "deu a letra" ao citar qual deve ser a atitude de seu elenco caso os mesmo queiram quebrar o longo tabu. "Não será uma final, mas devemos jogar com jeito de final. É um desafio jogar com ele em Turim, e queremos vencer. Eles são uma equipe muito forte que lida bem com as situações que aparecem nas partidas. É uma Juventus que sabe o segredo da vitória, mas eles também podem perder", disse o comandante. 

Um dos destaques do ataque rossonero, o espanhol Suso deixou o último jogo da equipe, contra o Chievo, no último sábado (4), ainda no primeiro tempo, com suspeita de lesão. Porém, o jogador está recuperado e vai para o jogo. Ele formará o trio de ataque ao lado de Carlos Bacca e Gerard Deulofeu.

Antes dúvida, Montella confirma possibilidade de Suso entrar entre os titulares

Questionado se a Juve estaria distraída por conta da disputa da UCL, Montella não deixou se enganar. "Eles estão acostumados com isso, e eles vão se alimentar disso. Eu não acho que eles estarão distraídos com a UCL. Se eu pudesse lhe dar alguns conselhos eu diria para concentrar-se na competição continental, já que eles já vêm vencendo o Scudetto", finalizou. 

VAVEL Logo