Villarreal vence Celta fora de casa e se aproxima da briga por vaga na UCL
Foto: Divulgação/La Liga

O Celta recebeu o Villarreal no Estádio de Balaídos, em jogo válido pela 27ª rodada do Campeonato Espanhol e foi derrotado. Roberto Soldado marou o único gol da partida, que levou o Villarreal à quinta posição com 48 pontos. O Celta, mesmo com a derrota, se manteve em 11º com 35 pontos. No próximo final de semana, o Celta enfrenta o La Coruña fora de casa, no domingo (19) e o Villarreal enfrenta o Las Palmas nas Ilhas Canárias, na sexta-feira (17).

O jogo começou morno, muito disputado no meio-campo. Os times não se arriscavam. O Celta, que vem de um confronto difícil pela Uefa Europa League, talvez sentindo cansaço, tentava criar um pouco mais, porém sem muito sucesso. A melhor chance veio com Giuseppe Rossi, que passou por dois marcadores e bateu forte de esquerda para boa defesa de Andrés Fernández.

Já o Villarreal, que tem uma defesa muito consistente - a melhor do campeonato até aqui -, soube se segurar e aproveitar o melhor momento para atacar. Até os 30 minutos ainda não tinha finalizado, mas a partir daí finalizou mais e foi muito mais perigoso. Aos 33’, duas grandes chances nos pés de Roberto Soriano. O italiano recebeu pela esquerda de frente com o goleiro e finalizou duas vezes, mas Sergio Álvarez apareceu muito bem para defender as duas.

E no último minuto, o bom momento do time em campo foi premiado. Jonathan dos Santos cobrou falta pra área, Musacchio desviou e a bola bateu em Roberto Soldado, que meio sem querer fez o gol. O Submarino Amarelo, além de ir para o intervalo em vantagem no placar, ainda manteve a escrita de não tomar gols no primeiro tempo nas partidas fora de casa.

O segundo tempo veio e o jogo, que já era bastante estudado, disputado no meio-campo, ficou ainda mais centralizado, com os times sentindo muitas dificuldades para atacar. O Villarreal vencendo, se defendia muito bem. O Celta, talvez mais precupado com o confronto com o Krasnodar pela UEL, não se mostrava muito inspirado. Até os 20 minutos da segunda etapa nenhuma das equipes havia finalizado, apesar do grande domínio dos donos da casa na posse de bola (66% x 34%).

Faltando dez minutos para o fim da partida, o Celta se lançou um pouco mais para o ataque, mas mesmo assim não levava muito perigo ao adversário, que sabia aproveitar as saídas em contra-ataque para responder e tentar não ser pressionado no fim. Mas com apenas seis finalizações, sendo somente uma no gol, seria realmente muito difícil para a equipe galega conseguir o empate, ainda mais enfrentando um setor defensivo tão bom quanto do Villarreal. Sem correr riscos, a equipe de Fran Escribá conquistou os três pontos e chegou à quinta posição na tabela.

VAVEL Logo