Dirigente da Juventus confirma saída de Daniel Alves

Daniel Alves já não é mais jogador da Juventus. A informação foi confirmada nesta semana pelo diretor-geral do clube, Giuseppe Marotta. Segundo o cartola, o lateral pediu a rescisão de contrato, e o clube italiano acabou acatando. Ao que tudo indica, o brasileiro deve ser anunciado em breve como novo reforço do Manchester City – sua contratação teria sido um pedido do técnico Pep Guardiola.

"Não é uma ruptura do nosso relacionamento, pois a motivação é fundamental para um jogador", disse Marotta ao site Calciomercato. "Dani Alves nos disse que quer experimentar uma experiência alternativa, então vamos encerrar o contrato por mútuo consentimento e desejar o melhor", completou.

+ 'Novo Ibra', Patrik Schick realiza exames médicos em Turim e fica próximo de acerto com Juventus

Dani Alves causou a ira da torcida bianconera nesta semana após ter aconselhado Paulo Dybala a deixar a Juventus se quisesse atingir seu um patamar mais alto no futebol internacional. A notícia soou como uma afronta à torcida.

Outro que pode encerrar sua passagem pela Itália é o lateral-esquerdo Alex Sandro. Segundo informações, o Chelsea teria feito uma oferta de € 50 milhões pelo jogador brasileiro.

+ Juventus recusa proposta do Chelsea por Alex Sandro e não descarta ir atrás de Donnarumma

Uma oferta substancial chegou. Não temos a intenção de vender ninguém, mas se um jogador decidir sair, como aconteceu nos anos anteriores, não mantemos ninguém contra a sua vontade”, disse o diretor-geral do clube.

Contudo, a preocupação da atual hexacampeã italiana é outra. “No momento, a prioridade é manter o grupo que chegou à final da Champions”, assegurou.

VAVEL Logo