Levante 2017/18: volta a elite e o objetivo da permanência
Foto: Editoria de Arte/VAVEL Brasil

O Levante vem pra temporada 2017/18 após ter sido o campeão da Liga 123. A equipe de Juan Ramon Lopez Muñiz boa parte da base que conquistou o acesso a elite e buscou reforços pontuais. Tudo isso, para evitar um rebaixamento que transformaria o clube valenciano num clube gangorra. Principal destaque da equipe, o meia José Luis Morales permaneceu, mesmo após algumas sondagens de clubes maiores da Espanha e do futebol russo.

A pré-temporada do time grená teve altos e baixos. Em sete jogos, a equipe de Valencia somou três vitórias (La Nucia, Cádiz e Real Murcia), três derrotas (Villarreal, Almeria e Zaragoza), além de um empate diante do Deportivo Alavés. Vale ressaltar, que a equipe ainda terá mais dois compromissos antes da estréia no Campeonato Espanhol dia 18 de agosto, diante do Villarreal: o Elche, neste sábado (12) e o Rayo Vallecano no domingo (13).

Em busca de ter uma temporada tranquila, o Levante reforçou seu elenco e foi atrás de reforços: o bom atacante Alex Alegria, foi emprestado pelo Real Bétis até o fim da temporada. O lateral Luna, ex-Eibar também chegou ao clube valenciano. Pra zaga, o Levante conseguiu prorrogar o empréstimo do zagueiro Róber Pier. Para o meio campo, o clube acertou dois reforços pontuais: o volante Cheick Doukouré e o macedônio Bardhi após boa euro sub-21 pela seleção polonesa. E a última aquisição, foi o centroavante Ivi Lopez que fez uma boa temporada pelo Sevilla Atlético.

Porém, o clube sofreu com algumas baixas neste início de temporada: os meias, Paco Montañes (RCD Espanyol), Abraham (Zaragoza), Victor Casadesus (Tenerife) e Victor Camarasa (Real Bétis) não permanecem no clube. Os atacantes Saveljich (Albacete), Deyverson (Palmeiras), Ruben Garcia (Sporting Gijon) e Juan Muñoz (Sevilla) também estão fora da equipe valenciana.

Juan Ramon Lopez Muñiz tem a missão de manter o Levante na elite. O treinador que nasceu em Gijon e teve seu primeiro trabalho em 2015 no Alcorcon, chegou ao clube grená apenas para sua segunda experiência e de cara conquistou seu primeiro título, após campanha avassaladora na segunda divisão espanhola. Mas, apesar de novo, o técnico sabe que a Liga das Estrelas está um patamar mais acima e por isso buscou reforços pra equipe valenciana.

Muñiz, entende que a torcida do Levante pode ajudar o clube lotando o Ciudad de Valencia nos jogos em casa e afirma que somar pontos diante da sua torcida é fundamental. Este será seu primeiro trabalho na primeira divisão espanhola, mas Muñiz está motivado e garante que o Levante dará muitas alegrias ao seu torcedor.

A equipe do Levante tem como principal objetivo se manter na primeira divisão. Porém, o clube tem o desejo de terminar o campeonato na primeira página da tabela e conta com um bom início de liga, já que joga quatro dos cinco primeiros jogos no Ciudad de Valencia.

VAVEL Logo