Manchester United goleia Swansea fora de casa e permanece invicto na Premier League
Foto: Divulgação/Premier League

Após estrear goleando o West Ham, em casa, o Manchester United mostrou ser um dos favoritos ao título da Premier League 2017/18. A mais nova vítima foi o Swansea, em partida pela 2ª rodada e realizada no Liberty Stadium, em Swansea, no País de Gales. Sobrando no duelo, a equipe de Manchester atropelou por 4 a 0, com gols sendo marcados por BaillyLukaku, Pogba e Martial.

Manchester United 2017/18: Old Trafford como "fortaleza" será essencial para sucesso Red Devil

Com o resultado positivo fora de seus domínios, os Red Devils chegam aos seis pontos ganhos e mantém a invencibilidade na competição, tal como disparam na liderança de maneira provisória, já que os rivais vão jogar. Os Swans, por outro lado, não venceram e caem à 12ª posição e com apenas um ponto.

Os times voltam a campo, pela 3ª rodada do Inglês, no próximo sábado (26). O United vai receber o Leicester no Old Trafford, em Manchester, às 13h30, enquanto que os galeses vão duelar com o Crystal Palace em Londres, no Selhurst Park, às 11h em um possível confronto direto por primeira vitória no certame nacional.

United é superior e sai em vantagem

Após iniciarem o torneio de maneiras distintas, Swansea e Manchester United foram ao jogo determinados buscando a vitória. Tentando usar o fator casa, os galeses criaram a primeira boa chance do confronto. O atacante Ayew avançou em liberdade pela esquerda e, mesmo sem ter ângulo, chutou em direção ao gol e acertou o travessão.

Pouco depois, a equipe de Manchester mostrou que estava viva dentro da partida e não se intimidou. Mata levantou falta na pequena área e a bola caiu na medida para o zagueiro Jones que, de ombro, mandou na parte superior da trave e também assustou. O rebote, contudo, não foi aproveitado.

United mostra mais qualidade no setor ofensivo e sai em vantagem no primeiro tempo (Foto: Divulgação/Premier League)
United demonstra maior qualidade no setor ofensivo e sai em vantagem (Foto: Divulgação/Premier League)

Mantendo o equilíbrio na partida, os times pouco foram criativos e não levaram tanto perigo como esperado. Ainda assim, os anfitriões foram para cima e voltaram a dar sustos à meta. Em escanteio, Bartley subiu bem no meio da marcação e testou próximo à trave direita de De Gea, que apenas observou a trajetória.

Na reta final, os visitantes apresentaram melhor criatividade e tiraram o zero do placar no Liberty Stadium. Antes, Rashford apareceu livre no espaço cedido pelos marcadores e saiu de frente para Fabianski, mas o chute foi em cima do goleiro. Logo depois, depois de tiro esquinado, os Red Devils marcaram quando Pogba cabeceou e acertou o poste. Com a sobra, Bailly se antecipou bem aos adversários e tocou para o fundo do barbante.

Red Devils seguem intensos e goleiam Swans

Assim como no primeiro tempo, as equipes voltaram ao segundo com bastante equilíbrio e criando poucas chances. Tentando crescer para o empate e ficar mais criativo, o treinador Paul Clement promoveu duas mexidas no Swansea, sacando o zagueiro Bartley e o meia Roque Mesa para as entradas do meio-campista Routledge e o atacante Narsingh, respectivamente.

Nem mesmo as mudanças foram suficientes aos donos da casa, já que os Diabos Vermelhos demonstraram mais eficiência nas finalizações e, com isso, sacramentaram mais um triunfo. Lukaku começou um lance ainda no meio-campo e deixou com Martial, que acabara de entrar em campo e passou para Mkhitaryan. O armênio viu o belga aparecer com total liberdade na pequena área e deu bom passe, com o barbante dos galeses voltando a balançar.

Red Devils mantém superioridade e firmam goleada (Foto: Divulgação/Premier League)
Red Devils mantém superioridade e confirmam goleada no Liberty Stadium (Foto: Divulgação/Premier League)

O placar, que já estava positivo a favor dos visitantes, ficou ainda mais favorável dois minutos depois. Praticamente repetindo a jogada do gol anterior, Pogba teve posse no círculo central, tabelou com Mkhitaryan e reapareceu no meio da pequena área apenas para mandar a pelota na rede.

Impondo um ritmo intenso e sem dar tempo dos Swans respirarem na partida, a equipe de Manchester sacramentou mais uma goleada longe de seus domínios. Martial arrancou ainda no campo de defesa, trocou passe com Pogba e recebeu na medida, finalizando tirando do alcance de Fabianski, que nada pôde fazer.

VAVEL Logo