Sem dificuldades, Milan decide no primeiro tempo e bate Crotone fora de casa

Nesse domingo (20), Crotone e Milan se enfrentaram no estádio Ezio Scida, na Calabria, pela primeira rodada da Serie A. O Diavolo venceu por 3 a 0, com gols marcados por Franck Kessié, Patrick Cutrone e Suso.  

A vitória faz com que os rossoneri dividam a liderança do campeonato junto com Internazionale e Juventus, que venceram pelo mesmo placar. Já o Crotone, amarga já as últimas posições na tabela, assim como em grande parte da temporada anterior. 

Agora, o Milan volta as suas atenções para a Europa League, onde jogará a partida de volta contra o Shkendija, na próxima quinta-feira (24), em Skopje, mas com uma situação mais do que tranquila, já que venceu em casa por 6 a 0. Já o Crotone irá se preparar para encarar o Hellas Verona, em casa, no próximo domingo (27). 

Milan começa fulminante e abre boa vantagem 

O jogo se anunciava muito duro para o Milan, já que o Crotone vinha de uma temporada histórica onde conseguiu se salvar na última rodada, mas logo com dois minutos, aconteceu a jogada que mudou completamente a história da partida. 

Cutrone recebeu a bola dentro da área e quando preparava o chute, foi calçado por trás por Ceccherini e o árbitro não teve dúvidas e marcou o pênalti. Entretanto, precisou da tecnologia VAR para ver que o zagueiro impediu uma chance clara de gol e por isso, expulsá-lo. Na cobrança, Kessié, com muita categoria, bateu no canto direito do goleiro e marcou o primeiro gol rossonero

A partir daí, a partida se tornou de uma só equipe. O Milan dominou amplamente as ações do jogo com muita posse de bola e movimentação. O Crotone só podia se defender como podia, mas sem oferecer nenhum perigo à defesa milanista. 

O segundo gol veio depois de bela trama ofensiva pelo lado direito, Suso passou por dois defensores e cruzou na área, Cutrone antecipou o goleiro e cabeceou para o fundo das redes. Um minuto depois, Budimir teve a chance de diminuir o placar em chute de canhota, mas Donnarumma estava atento e espalmou o arremate. Minutos depois, o Diavolo voltou a assustar após passe de Conti para Kessié, que chutou pro gol, mas Cordaz espalmou para escanteio.  

Com muita tranquilidade e organização, o Milan seguia muito superior em campo, tecnica e fisicamente. Aos 23 minutos, Çalhanoglu lançou Cutrone em profundidade, o jovem atacante dominou e rolou para Suso que chegou chutando para o fundo do gol, para festa da torcida rossonera presente no estádio. 

No fim da primeira etapa, ainda houve tempo para mais uma chance com Conti, mas o lateral chutou por cima do gol de Cordaz.  

Cordaz salva Crotone de goleada 

A segunda etapa foi marcada por um ritmo mais brando das equipes, principalmente do Milan, que tinha praticamente o resultado já definido. Mesmo assim, o Diavolo conseguiu criar boas chances para aumentar o marcador, depois da entrada de André Silva, que estava sedento por mais gols com a camisa do novo clube. 

Mas o Crotone também chegou com mais perigo, Budimir foi lançado nas costas de Musacchio e quando ia finalizar, Bonucci tirou providencialmente para escanteio. Na cobrança, Cabrera ganhou no alto, mas mandou por cima do gol.  

André Silva foi acionado no ataque algumas vezes e em uma delas, quase marcou de cabeça após cobrança de escanteio, mas Cordaz salvou. Já nos minutos finais, mais duas chances do português: a primeira veio após lindo passe de Çalhanoglu para a área, o camisa 9 finalizou de primeira, mas o goleiro do Crotone salvou com os pés. 

Depois, Suso e o português fizeram bela tabela, o camisa 8 deu ótimo passe por cima, mas André Silva pegou mal na bola e mandou pra fora.

VAVEL Logo