Frustrado, Wenger lamenta derrota para Stoke: "Difícil de engolir"
Foto: Divulgação/Arsenal

Neste sábado (19), o Arsenal visitou o Stoke City pela segunda rodada da Premier League 2017/18 e saiu do Bet365 Stadium com a derrota por placar mínimo. Os Gunners tiveram cerca de três quartos do jogo com a posse da bola, mas mesmo assim não conseguiram bater o adversário.

O técnico Arsène Wenger, falou um pouco sobre a derrota após a partida: "Estamos frustrados porque perdemos um jogo que deveríamos ter ganhado e isso é difícil de engolir".

"Tivemos muitas chances, e além disso, não apenas finalizamos, mas demos a eles um gol fácil, logo após o intervalo.", disse Wenger. "Era muito importante ter mantido o foco defensivo nesse tipo de jogo, mas não defendemos adequadamente."

"Sobre isso não somos perdoáveis hoje. No fim das contas, nós tivemos 80 por cento de posse de bola e perdemos o jogo, fora de casa.", acrescentou o técnico francês.

Wenger ainda lamentou pênalti não marcado e o histórico que o Arsenal tem de não ter penalidades marcadas ao seu favor.

"Claro que deveríamos ter recebido o pênalti a nosso favor, mas sabemos que não marcam pênaltis para nós. Olhe os números e você verá. Ano passado, foi marcada a maior quantidade de pênaltis contra nós em casa e o menor número a favor", disse Wenger.

Alexandre Lacazette empatou o jogo para o Arsenal, mas teve seu gol anulado por impedimento e Arsène também discordou da decisão. "100% de certeza que foi legal. Acabei de assistir. Não estava nem um pouco impedido, nem mesmo o pé dele."

"Mas, temos que engolir isso e deveríamos ter marcado gols apesar de tudo. Foi apenas mais um detalhe que não correu a nosso favor", finalizou Wenger.

O próximo duelo do Arsenal na Premier League será no próximo domingo, 27, contra o Liverpool, no Anfield, às 12h (horário de Brasília).

VAVEL Logo